sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Texto: Always Remember Us This Way

Olá amores,

Always Remember Us This Way é uma música do filme "A Star Is Born" (Nasce Uma Estrela), mas por quê não fazer um texto inspirado na letra dessa música tão maravilhosa? Hoje, o texto autoral chegou bem especial. Espero que gostem!




"Quando eu não encontrar as palavras, quando o sol se pôr e eu deitar na areia da praia para observar as estrelas brilharem no céu, eu estarei pensando em você. 

O adeus foi difícil, doeu mais do que o esperado e acredito que até hoje não superamos o impacto em nossas vidas. Mas você me transformou e sorrir tornou-se mais fácil depois que vivi aqueles meses ao seu lado. Posso estar com o coração apertado agora, mas valeu a pena. Cada momento. Faria tudo novamente.

Você me fez acreditar em mim mesma. Viu coisas que os outros não viram e ainda me deu força para lutar pelos meus sonhos. Lutar por você. Uma pena que não foi suficiente. Uma pena que o amor não foi o bastante para caminharmos juntos.

Ainda tenho todas as nossas mensagens salvas no computador. Você não sabe, mas as leio tarde da noite para sonhar com o dia de nosso primeiro beijo. Dói, e como dói. Pego um caderno amassado e escrevo cartas que nunca lhe entregarei. Coloco toda minha frustração e todo meu amor naquelas palavras sem rima.

Esses sentimentos que aprendi a reconhecer com você estão enterrados em minha alma e eu não quero que desapareça nunca. Eu sempre vou me lembrar de nós desse jeito."


- Alessandra Salvia

terça-feira, 26 de novembro de 2019

5 Motivos para ler a Trilogia "Sob a Luz da Escuridão"

Olá amores,


Esse ano, li a continuação da trilogia "Sob a Luz da Escuridão" da Ana Beatriz Brandão e como foi uma das melhores leituras do ano resolvi trazer para vocês 5 motivos super especiais para aproveitar esse final de ano lendo uma das distopias/fantasia mais icônicas do momento!



Porém, antes de mais nada, aproveito para deixar os links de compra e resenhas das obras abaixo:





Pronto, agora podemos partir para os 5 motivos:

1) A escrita da Ana Beatriz Brandão é inteligente e nos prende desde o primeiro capítulo! Não é algo bobo ou já conhecido, a autora cria e desenvolve seu próprio mundo pós apocalíptico e não há momentos de calmaria. A adrenalina e descobertas são num ritmo intenso.

2) Girl Power. Personagens femininas extremamente fortes e que possuem opiniões já formadas. Não há coitadismo ou apenas uma personagem central, não não não. Lollipop, Jess, Cellestia, Allana... Todas são parte fundamental para o enredo central se desenvolver.

3) Temáticas sociais. Existem cenas/diálogos que estão ali para gerar discussões mesmo, afinal, se continuarmos a ignorar certos comportamentos sociais, será que nosso destino não será o mesmo ali descrito?

4) Originalidade. Principalmente, ao fechar o segundo livro da série que surpreendeu todos os leitores. NINGUÉM esperava aquela reviravolta e o terceiro volume da série promete ser ainda mais cheio de ação e surpresas.

5) É nacional!!! Eu sempre defendo esse ponto, porque nada é mais gratificante do que ver nossos queridos autores crescendo, ganhando visibilidade e mostrando que é possível SIM um livro nacional ser INCRÍVEL MARAVILHOSAMENTE ÉPICO. Leiam e não vão se arrepender, prometo! 


Espero que vocês consigam perceber o quanto amo essas obras e se joguem para mais uma aventura incrível que os livros nos proporcionam!

- Alessandra Salvia

sábado, 23 de novembro de 2019

Emma Watson Book Club

Olá amores,

Hoje, vamos desvendar o clube do livro da Emma Watson, nossa eterna e querida Hermione ♥, preparados? Eu estou!!!


O chamado "Our Shared Shelf" ou simplesmente "Emma Watson Book Club" é o clube que possui foco no Feminismo, ou seja, na igualdade de gêneros. Emma é a Embaixadora da Boa Vontade na ONU e muitos de seus estudos para criar o projeto "He For She" se tornaram dicas para suas seguidoras. Desta forma, criou-se o clube para a cada dois meses uma obra ser o destaque, caso queira acompanhar, aqui estão os links do Good Reads e do Instagram.

Ah, mas se você não sabe o que é o tal He For She, deixo AQUI um post que fiz há algum tempo atrás, ou também veja o discurso da própria Emma:


Agora, voltando ao mundo dos livros, algumas das indicações já chegaram ao Brasil e vou mostrá-las à vocês. Porém, antes quero falar de algumas das grandes ações para difundir a mensagem central de igualdade: a distribuição gratuita de livros feministas. Emma tem o costume de deixar por onde passar alguns livros escondidos, como as fotos demonstram:




Como acima vocês já viram, uma das indicações da atriz e ativista é 'O Conto da Aia' que tem sua adaptação para a televisão e já ganhou continuação também pela Editora Rocco:


E chegou o momento de vermos mais dicas que podem ser encontradas nas livrarias brasileiras:






"Persépolis" é uma graphic novel:



Confesso que desde o lançamento ando babando por essa edição de "Mulheres que Correm com Lobos" da Editora Rocco, mas o preço ainda está bem elevado por ser capa dura:



E claro, não poderíamos deixar de exaltar essa belíssima amizade entre Emma e Malala, dois ícones exemplos para as mulheres de hoje, em qualquer lugar do mundo:



ME CONTEM! O que acharam de descobrir quais são as dicas da nossa diva suprema que é bruxa, princesa Disney e ainda consciente perante nossa sociedade? Emma é incrível, não é? ♥

- Alessandra Salvia

sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Musicais em Séries - Parte 1

Olá amores,

Não sei se vocês sabem, mas eu AMOOOOOOOOO um musical! Então, venho listar algumas das minhas cenas de SÉRIES favoritas cujo elenco se joga numa boa música! 




Musicais de Séries - Parte 1


1) What's Up - Sense 8 Cast:
Cena icônica que nunca será esquecida, mesmo após o final da série. (P.S.: Netflix, traz de volta!!!!)



2) Seveeteen - Riverdale Cast (tem duas versões e eu vou por as duas porque SIM):
Essa música é minha favorita da série, superou Mad World e por motivos de Cole Sprouse.






3) All For Us - Zendaya em Euphoria:
Final de temporada e ninguém imaginaria que acabaria nesse clipe sensacional. Talvez seja um spoiler para quem não acompanha a série, mas vale a pena o risco!


4) Never Ending Story - Gaten Matarazzo e Gabriella Pizzolo em Stranger Things:
Uma das cenas mais bizarras é Justin e Suzie cantando enquanto o Devorador de Mentes quer matar seus amigos, mas é impossível não se divertir e não cantar junto!



5) Forever - John Stamos em Full House (Três é Demais):
Sei que alguns nem vão conhecer, essa série é da minha infância e não poderia deixar de citar. Como eu amava o Tio Jesse!



6) To Fell My Love - Lea Michele em Glee:
Para finalizar, essa cena de Glee ficou para a história. A despedida de Cory Monteith.



Espero que tenham gostado e em breve, vou fazer uma lista das melhores cenas musicais dos FILMES, que tal?

- Alessandra Salvia

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Words Challenge 2019 - Escorpião

Olá amores,

O Words Challenge de novembro está bem diferente, pois a personagem escorpiana está vivendo uma época meio triste de sua vida, mas nem por isso ela perde a criatividade, a inteligência, a coragem, a sedução e a sinceridade. Até porque, eu como escorpiana sei que nosso jeitinho pode ser bem difícil, ciumento e vingativo, rs. As palavras escolhidas pela Pâmela do Interrupted Dreamer como desafio deste mês foram: interesse, amiga, pano, ombro, paixão, algodão, gelatina, ímpeto. Espero que gostem do resultado!


Words Challenge 2019 - Escorpião

"Acordei com o rímel manchado de ontem à noite. Sim, eu me permiti chorar por um dia, agora bola para frente que a vida não para por conta de uma decepção, não é mesmo? Na frente do espelho da penteadeira, passo um algodão com água micelar na pele tirando o resto de toda a maquiagem. Eu não deveria ter dormido desse jeito.

Reviro os olhos. Minha melhor amiga, Mariana, está dormindo ao lado da cama num colchonete inflável. Ela não percebeu que a gelatina continha tequila e perdeu um pouco a noção da quantidade limite. Provavelmente passará o dia deitada aí, mas eu não posso me dar a este luxo, preciso ir até a casa de Matheus pegar minhas coisas.

Nós terminamos ontem a noite. Uma paixão avassaladora que durou cerca de 6 meses até ele me trair com uma garota também comprometida. Ridículo. Ele vai ver o que perdeu também... Tomo um banho, coloco um vestido de verão que sei que ele vai gostar e passo um batom cor de rosa combinando. Os saltos altos não seriam a melhor escolha já que é apenas um domingo de manhã, só que eu preciso impactar.

Pego alguns DVD's e uma blusa de frio dele que estavam jogados pelo meu quarto e saio batendo a porta. Mariana nem se mexe. Eu preciso fazer isso o quanto antes.

Menos de 10 minutos depois, estou saindo do Uber em direção a porta da casa de Matheus. Toco a campainha e o meu ex sogro me atende.

- Poliana! Não sabia que você vinha para almoçar conosco, entre querida!
- Obrigada, Sr. Geraldo. Não vou ficar, só preciso entregar algumas coisas ao Matheus, ele está?

Decido ir devagar. Não vou colocar esse senhor amável em uma situação constrangeroda só porque ele não conhece o próprio filho.

- Claro, pode entrar. Ele ainda está dormindo.
- Oba! Vou fazer uma surpresa então!!!

Entro na casa seguindo direto para o quarto do idiota. Nem cumprimento a mãe dele que está na cozinha com um pano de prato sob o ombro. Meu auto controle está quase se esgotando. 

A porta está meio aberta e consigo ver os pés dele descobertos em cima da cama. Como está aquele calor gostoso de primavera, ele deve estar só de cueca. Ótimo. Talvez eu devesse... Sorrateiramente, entro no quarto e sigo até o banheiro da suíte. Como se fosse um sinal, eu tenho em mãos uma caixa plástica com todos os DVD's que ele me emprestou. Eu encho a caixa com água da torneira, fazendo o menor barulho possível para não estragar o plano. 

Matheus se mexe, mas não acorda. Ouço o ronco dele daqui! Aquele filho de uma mãe deve ter farreado a noite inteira. Fecho a torneira apressada e me aproximo da cama. Nem parece que esse é o mesmo garoto que me chamou para sair e me deu flores no nosso primeiro encontro. 

Viro o balde com a mesma rapidez com que ele perdeu o interesse em nosso namoro. Estou decidida e o grito que ele dá me faz rir.

- Mas que p....
- Ei ei ei, rapazinho. Cuidado com a boca, seus pais estão em casa.
- Poli, mas que m**** você fez?
- Eu? Nada, só achei que você precisaria de um banho após uma noite longa como a nossa foi.
- Ah amor, eu já pedi desculpas. Vamos conversar com calma... Foi só no ímpeto, um impulso. Me perdoa!
- HÁ-HÁ-HÁ. Faça-me rir, Matheus. Eu não sou obrigada a ficar aqui ouvindo essa ladainha. Trouxe suas coisas, estão ali no banheiro. Você pode deixar as minhas coisas na portaria, ok? Ah, e não se esqueça de pedir desculpas aos seus pais por você ser um cretino.

Saio dali decidida. Os pais dele estão na porta do quarto assustados. Não me despeço. Apenas parto em busca de alguém que mereça mais minha atenção, afinal, não vou perder minha energia com quem não merece."


- Alessandra Salvia

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Série: Elite - Season 2

Olá amores,

Finalmente estou colocando a séries em dia e hoje vamos falar da segunda temporada de Elite já disponível na Netflix! A primeira temporada teve o foco em quem matou a Marina e agora vamos ver quais as consequências dessa morte para todos, inclusive um de nossos protagonistas vai desaparecer... Quem será o responsável?


Quem ainda não leu a crítica da primeira temporada, clique AQUI. Mas se já sabe o que esperar, vem descobrir o que achei dessa segunda parte cheia de dramas familiares e amizades rompidas, afinal, dificilmente as pessoas aceitam mentiras e hipocresia.

Logo de início, Christian já não esconde de ninguém que está guardando um segredo e Carla não gosta nada nada da situação. Só que ao tomar o choque com um acidente que deixa Christian paralítico, a consciência da burguesinha começa a pesar... E é aí que Samu entra para tentar arrancar a verdade de Carla. Vamos ver um trailer dessa season 2?


Pois é. Muita coisa promete e posso dizer que como um todo, eu gostei da temporada. Alguns personagens novos surgiram para enrolar ainda mais a situação como: Cayetana (uma digital influencer que mente para todos sua verdadeira origem e se tornará muito amiga de Lu), Valerio (o meio irmão de Lu) e Rebeka (filha de uma traficante que se muda para a mansão onde a família de Marina morava).

Agora, em relação aos nomes já conhecidos, acho que minha maior decepção dessa temporada foi com o casal Ander e Omar. Omar conseguindo se libertar foi sensacional, porém Ander se aproximar de Pólo foi muito frustrante. Ander termina a temporada com um grande peso na consciência e acho que é o que ele realmente merecia.

Guzmán passa por um período conturbado após a morte da irmã e ele quase entra no caminho errado, pois não tem amigos verdadeiros que o apoiam. Mesmo a Lu, ela tenta ser presente, mas não tem o vínculo necessário para ampará-lo. Então, eis que entra Nádia na jogada e só assim vemos um evolução de Guzmán. (Ah, espere. Uma pequena observação. Não estou dizendo que concordo com a traição que ocorrerá. Não, nada justifica. Ok? Apenas digo que  o envolvimento de Nadia e Gusmán é natural pelo histórico dos personagens e Lu mesmo percebendo essa química, a ignora).



E por falar em Lu, acho que ela passa um pouco dos limites nessa temporada, é chata com todo mundo... Mas tem o que merece graças a Valerio. O meio irmão me surpreendeu no desfecho dessa segunda temporada e já estou esperando mais cenas conscientes dele na season 3, que já aproveito para confirmar: Elite terá sua terceira temporada em breve já que as gravações foram simultâneas com essa temporada 2!

Falando sobre Carla, há um envolvimento amoroso improvável aqui. Ela e Samu se tornam um casal e eu que achei que não haveria química me surpreendi. Carla foi a personagem que mais cresceu. Ela tomou consciência sobre os acontecimentos da primeira temporada e sua auto confiança vive por um fio, prestes a se romper. Novamente, digo que a atriz é muito boa e merece o destaque que tem sim.



Para finalizar, vou falar um pouco sobre o drama geral do desaparecimento de um dos personagens e como o desfecho me impactou. GOSTEI DEMAIS da reviravolta, eu não esperava isso de Elite. Saíram do óbvio e mesmo sendo uma história sobre privilégios, eles conseguem fazer a diferença.

Assim que tiver notícias da próxima temporada, trago para vocês. Fiquem de olho no instagram do blog e me contem o que acharam da crítica de hoje.

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5) - Maravilhoso!

- Alessandra Salvia

domingo, 17 de novembro de 2019

Livros: Destinos Quebrados

Olá amores, 

Como estão? Vamos conversar hoje sobre o terceiro livro da série Quebrados, o chamado "Destinos Quebrados" da autora Sofia Silva, publicado pela Editora Valentina.


Para quem ainda não conhece a série, digo que há a possibilidade da leitura ser feita de maneira separada, pois todas as histórias são independentes, porém para o leitor ter uma experiência completa e conseguir fazer todas as ligações que as obras permitem, o ideal é ler sim em sequência, ok? 

Desta vez, o foco será o casal Rafaela e Leonardo, ela uma brasileira, ele um português, ambos profissionais já conhecidos dos livros anteriores. Essa intensa história de amor será uma evolução, acompanharemos os personagens durante os anos e veremos o quanto algumas atitudes aparentemente simples podem marcar uma pessoa pelo resto da vida. 

O desenvolvimento do livro é um dos grandes pontos positivos que vou destacar, porque por mais que hajam saltos temporais e vai e volta no tempo, tudo é muito bem colocado para que o leitor fique preso àqueles personagens. Acredito que isso também é mérito da narrativa da Sofia, sempre digo que ela desenha suas histórias e é exatamente isso. É uma narrativa gostosa, bela e emocionante.

A carga dramática existe e é pesada (P.S.: MUITO pesada!). É impossível não se envolver e emocionar. A temática central daqui é a resiliência e também temos a abordagem dos traumas e de perdão. Não é apenas um capacidade de superar as adversidades, é uma histórias sobre seguir em frente sem mágoas. Rafaela é uma das protagonistas mais fortes que já 'conheci', ela é uma pessoa admirável e o fato dela sempre seguir o seu sonho para o bem maior... Sem palavras.

Acho que só lendo para entender o quanto esse livro é marcante. Tudo que eu falar, não fará jus a verdadeira história contada pela Sofia. E aproveito para dizer que você precisa estar bem emocionamente para enfrentar a obra, tá? Haverá alguns gatilhos que podem não fazer bem para algumas pessoas em momentos de fragilidade. 


Destaco também a edição de "Destinos Quebrados", a capa está maravilhosa e há pequenos trechos de "Orgulho e Preconceito" para caracterizar as diferentes partes do enredo que só deixam a edição ainda mais linda! 😍 

Caso tenham interesse, aproveito para deixar abaixo o link das resenhas das obras anteriores:






Espero que tenham gostado da dica de hoje, já leram algum livro da Sofia? Gostaram da proposta da obra? Deixem seus comentários!

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5) - Maravilhoso!

- Alessandra Salvia

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Livro: Um Bebê Inesperado

Olá amores,

Hoje, vou dar outra dica aqui da Juliana Dantas!!!! "Um Bebê Inesperado" é o terceiro livro da Julie do Simon, que se iniciou lá em "Uma Noiva de Natal" e "Um Noivado Nada Discreto" e já está disponível na Amazon!



Para iniciar, vamos falar um pouco sobre os livros anteriores: Sabe aqueles romances gostosos, divertidos e que você não cansa de ler? É esse! Julie aceita fingir ser a noiva do CEO Simon, mas eles não poderiam ser mais diferentes, ele todo sério, metódico, frio e ela uma apaixonada pela vida, cheia de desejos e opiniões. É um clichê clássico, mas que para esse final de ano é perfeito! Caso queira ler a resenha de ambos, clique AQUI.




Agora, chegou em nossos kindles o terceiro livro da série e não poderia estar mais divertido! Ok, acho que Julie exagera em muitos pontos e os tornam surreais, mas quando vemos as cenas dela se adaptando a gravidez, é impossível segurar o riso. Afinal, ela tem as mesmas dúvidas que uma mãe de primeira viagem tem, a diferença é que ela não tem medo de se meter em apuros. E que apuros.... rs.

Gostei muito do Simon nesse livro, tivemos algumas problematicas a serem desenvolvidas e consegui enxergar o sentimento dele pela Julie, algo que ficava mais concentrado na luúria nos livros anteriores. Ah, e ponto positivo para a entrada do Justin na história. Deu uma animada nas coisas e fez a Julie perceber que nem sempre tudo da certo. Super apoio a ideia de um spin off focado nesse novo personagem. Seria divertidíssimo! Só que vale dizer que existe sim um spin off dessa série que (finalmente!) teremos cross over: veremos Henry e Sophia de Um Sonho de Princesa logo logo conforme "Um Bebê Inesperado" promete!!! 



E como eu disse, só não dou nota máxima para a obra, pois senti muitas cenas absurdas nessa terceira parte da obra, como por exemplo o clube de BDSM. Ah, uma pequena observação o livro contém sim cenas adultas, mas nada parecido com 50 tons, é tudo com base na comédia, ok?

Aproveito e deixo abaixo os links de compra das obras:







Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ (4/5) - Muito bom!

- Alessandra Salvia

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Uma Amiga Indicou: "Deixe a Neve Cair"

Olá amores,

Nós, do grupo "Uma Amiga Indicou" (eu, a Carol do 'A Colecionadora de Histórias', a Priih do 'Infinitas Vidas', a Carol do 'Caverna Literária', a Pam do 'Interrupted Dreamer' e a Lais do 'Tear de Informações') trouxemos para vocês nossa primeira dica natalina para dar início as comemorações desta data mágica! "Deixe a Neve Cair" é a nova adaptação da Netflix!!!!




Para quem ainda não sabe, "Deixe a Neve Cair" é um livro de contos publicado pela Editora Rocco. Porém, não pense que será algo fiél ao original, aqui a palavra correta seria um filme apenas levemente baseado na obra, ok? Eu mesma li o livro em 2014 e sinceramente, lembro bem pouco do que os autores John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle retrataram. Os principais pontos como: o porquinho teve no filme, então posso dizer que a experiência foi ótima, rs. 

Agora, vamos começar a falar sobre as histórias? São três núcleos narrados ao mesmo tempo que se encaixam perfeitamente ao chegar no final. O primeiro é de Julie e Stuart, a garota que conhece o cantor famoso no trem e passará um dia cheio de reflexões. O segundo é de Duke (a Sabrina Spelmann da Netflix) e Tobin, dois melhores amigos que se envolvem num triângulo amoroso com JP (um rapaz bem legal, por sinal). E o terceiro é com Dorrie enfrentando a garota dos seus sonhos a ignorando e tendo que lidar com a melhor amiga ciumenta com o sumiço do namorado em plena véspera de Natal. Veja o trailer abaixo:


Como vocês podem ver, tem muita coisa acontecendo ao mesmo tempo e isso já é um dos pontos positivos, pois no livro você lê tudo em separado e não se envolve como o filme faz. Aqui, desde cedo você percebe como todas as histórias se conectam e pega pequenas referências. O desenvolvimento é mais gostoso e todos os personagens seguem uma crescente. Não fica desigual ou perde-se o ritmo.

O plot que mais gostei (por incrível que pareça, é o mesmo do livro) é o primeiro de Julie e Stuart. Acho que foram os personagens que tem a problemática mais profunda, pois vemos aqui reflexões como família, amadurecimento e saber seu lugar no mundo. Uma frase dita por Stuart mexeu muito comigo: "Algo ruim pode acontecer, mas algo bom também pode acontecer". Foi mais ou menos isso e me atingiu em cheio já que minha ansiedade muitas vezes me fazem surtar por coisas que nem sequer aconteceram! Será um exercício diário usar essa frase na minha vida e eu o farei.



Em segundo lugar, coloco Dorrie que é uma personagem maravilhosa demais para ficar com a sem sal da Tegan. Não sei se foi o pouco que vimos, só sei que esse relacionamento não me conquistou, existe uma mensagem de auto-aceitação ali, a amizade de Dorrie com Addie foi muito maior. E fiquei feliz de incluirem de alguma maneira o porquinho no filme, já que no livro ele é tão importante.



E em terceiro, porém não tão ruim, apenas mais fraco: Duke e Tobin que tiveram seu ponto alto num musical lindinho. Acho que esse plot foi o que mais pesou para o lado cômico, incluindo a presença de Keon (Jacob Batalon, o amigo do Homem Aranha do Tom Holland), um rapaz que quer fazer uma festa na véspera de Natal para deslanchar sua carreira como DJ. 



Outro ponto positivo da obra que preciso destacar é a diversidade no elenco. Há representatividade de gêneros e etnias, mas tudo de uma maneira natural. 

Entretanto, nem tudo são flores. O que eu posso dizer para vocês é que não acho o filme algo de Natal como nos é vendido. Ninguém vai para uma festa com os amigos nesta data, se fosse ano novo até concordava, mas a essência do Natal é mais familiar, uma data na qual valorizamos o que temos e por mais que aqui tenha a amizade e amor como pontos chaves, parece mais um filme adolescente normal, sabe? Talvez por isso eu não o avalie tão bem. É morno ao compararmos com outras obras natalinas.

Abaixo, aproveito para dizer que o livro trocará a capa (lançamento previsto para 15/11/2019):



Desta forma, finalizo dizendo que devo ter gostado do filme porque o assisti totalmente separado do livro. Quando há a comparação, pode ser um pouco frustrante. 

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ (4/5) - Muito bom!

- Alessandra Salvia