Livro: Doce Lar

Olá amores,

Vamos falar de "Doce Lar", o primeiro volume da série Sweet escrita por Tillie Cole e publicada pela Editora Essência aqui no Brasil.


Antes de mais nada quero deixar aqui registrado a minha insatisfação com a editora por não terem previsão de trazerem o livro 2 da série para cá. Entendo que algumas séries não são bem recebidas, mas lancem pelo menos em e-book, pois descontinuar uma série é bem frustrante para os leitores. Porém, vamos falar um pouco sobre esse primeiro livro que tem como foco o casal Molly Shakespeare e Romeu Prince. Ela, uma estudiosa universitária e ele, um astro do time de futebol americano. Clichê sim, mas quem não ama?

Já começo dizendo que esse não é a melhor obra da autora, encontrei alguns problemas em relação a romantização de atitudes que não aprovo, acho sim que existem cenas absurdas e descabidas e se fosse comigo, eu já tinha dado um pé na bunda faz tempo. Só que a forma como a Tillie nos conta essa história, é envolvente demais! O bad boy quebrado precisa de ajuda e a "mocinha estranhamente normal" será a responsável por mostrar-lhe o poder do amor. Gente, eu adoro esse tipo de coisa! kkkkkk Me julguem! 

Se fosse fazer um paralelo, acho que a Tillie tem muito do que a Elle Kennedy tem. Textos simples e viciantes. Vocês já se sentiram assim? Nossa, como eu queria não ter gostado, queria falar para vocês não lerem, mas é imposível parar! Claro que eu gosto de sofrer, mesmo vendo coisas erradas, eu gosto de ter uma opinião sobre o assunto, então quero deixar claro que não aprovo o relacionamento tóxico retratado só estou dizendo que a narrativa torna a história um pouco mais aceitável

Entretanto, "Doce Lar" não é apenas um livro sobre amor e abusos. Temos também um grande destaque para a parte familiar, tanto por Molly não ter nenhum parente vivo e fazer das amigas sua família, como por parte de Romeu que precisa lidar com a pressão e controle obsessivo dos pais. E grande parte do drama da obra é por conta dessa 'não aceitação' dos pais do protagonista masculino.

Ah, informação importante: não julgue a Tilllie Cole por esse livro. Por mais que tenha sido uma leitura rápida e fluída para mim, tenho consciência de que é um dos mais previsíveis. Gostaria sim de continuar a ler série, porque outros personagens secundários ganharão destaque e quero saber o futturo de cada um. 


Espero que tenham entendido meu ponto de vista e se quiserem ter o de vocês, se arrisquem e leiam "Doce Lar". 😉

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ (3/5) - Bom!

- Alessandra Salvia

Comentários

  1. Oi Ale! Eu li o livro, mas se soubesse o tamanho da série não teria nem arriscado. É uma história complicada em vários aspectos e de fato não é o melhor da autora, eu recomendo conhecer o trabalho dela por 1000 Beijos.
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O bom é que o final é satisfatório, mas a gente quer mais!!!!

      Excluir
  2. Ei, Alessandra, tudo jóia? Eu tenho a impressão que li uma resenha desse livro em algum lugar, mas a memória tá fraca kkk. Enfim, sobre livros problemáticos, eu não vejo problema em ler eles, mas a pessoa tem que ler com uma consciência igual a sua, que aquilo não é normal e não deve ser romantizado. E o que importa é que você gostou da leitura apesar dos pesares, beijo!


    Books House

    ResponderExcluir
  3. Oi, Alessandra. Como vai? Que bom que gostou do livro, apesar das ressalvas. Me parece um bom livro, embora clichê. Tomara que a editora traga logo os volumes seguintes para cá, não é mesmo! Muito boa sua resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vai trazer tão cedo, Luciano. Já faz anos e eles continuam sem novidades.

      Excluir
  4. É triste quando a gente sabe que tem uma série inteira publicada e eles não dão previsão de trazer os próximos para o Brasil... as vezes demora mais do que aqueles que os escritores estão escrevendo e publicando depois...

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  5. É muito chato quando as editoras fazem isso. Imagino que tenham vários fatores por trás, mas elas meio que poderiam fazer um acordo antes, né? Enfim! :( E eu amo um clichê também e acredita que eu ainda não conhecia essa autora? E, sim, entendi o seu ponto de vista. Às vezes, essas sensações também acontecem por aqui. Enfim, dica anotada para o próximo ano! ♥

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia Tillie Cole? Tenho resenha de todas as obras dela aqui no blog!

      Excluir
  6. Oi, Ale. Tudo bem?
    Nem me fala sobre séries paradas, tenho uma até hoje que me dói ter apenas o primeiro livro do Brasil e todo o desfecho ter que comprar em inglês. Já vi a Tillie Cole pelo mundo das resenhas, mas não li nada dela. Eu vou tentar conhecer a escrita dela por outros livros e quem sabe dou uma chance para esse.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ale!

    Já comecei a ler esse livro uma vez, mas parei e confesso que não me recordo a razão. Acho a capa e a premissa bem bacanas, mas acho que pela sua resenha também não vou me arriscar novamente na leitura :(

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?

    Nossa, eu também fico muito frustrado quando alguma editora decide não continuar a publicar aqui no Brasil os livros de alguma série que eu esteja lendo... Isso aconteceu com "Escola noturna" pela Suma. Sobre o livro em questão, eu acho que não me arriscaria em ler haha, também me incomodaria com alguns pontos que você menionou.

    Abraços!
    Jurista Geek

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo, Gleydson. Poderiam, pelo menos, lançar em ebook né?

      Excluir
  9. Oii, como vai?

    Eu não costumo ler livros desse tipo, então quase nunca conheço a obra quando vejo pela internet kkk morro de raiva quando a editora faz isso, tem uma série que amei mas que até hoje não teve a continuação e isso é muito frustrante.
    Parece um livro interessante mas não sei se leria por agora justamente por não ser muito do estilo que tenho gostado de ler.

    Abraço,
    Larissa | Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  10. Olá, Ale.
    Não tenho planos de ler os livros da autora tão já. Estou fugindo desse tipo de livro no momento. Mas vi muitas resenhas negativas desse livro quando lançou, acho que por isso desistiram da série. Mas acho frustrante também e uma falta de respeito com quem quer continuar a série. Como você disse, lança em e-book pelo menos.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Acredita que nunca li nada da autora? Tenho curiosidade mas já li alguns relatos sobre essa romantização, e isso é um tipo de coisa que não aceito muito bem na literatura. Apesar disso, sua comparação com a Elle me deixou com vontade de comprovar, adoro os livros dela.

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Filme: O Inferno de Gabriel - Parte I, II e III

Guia de Leitura Série Hades Hangmen

Lançamentos Setembro/2022