Série: Looking for Alaska

Olá amores, como estão?

Finalmente eu consegui assistir a série "Looking For Alaska" baseada no livro "Quem é você, Alasca?" escrito por John Green e lançado aqui no Brasil pela Editora Intrínseca. A série pode ser encontrada no streaming HBO Max e possui apenas uma temporada que engloba todo a obra original.


Em oito episódios, conheceremos a história de Miles, um garoto tímido e sem amigos que se muda para um internato no Alabama, lá ele conhece Chip, Takumi e claro, Alaska. Geniosa, inteligente e bem misteriosa, a garota está em uma busca incessante sobre "como sair desse labirinto?" que encontrou em seu livro preferido, "O General em Seu Labirinto" de Gabriel García Márquez. Abaixo, deixarei o trailer da série, mas já adianto que mesmo ela sendo curtinha, ela tem seu peso e é necessário assistir ciente de seus gatilhos:


Bom, já que eu comecei a falar já sobre gatilhos, já vou deixar o alerta já que é importante você saber que se tem questões com depressão e alcool, este dica de hoje NÃO é recomendável, ok? A série pesa a mão no drama e é necessário ter muito cuidado, ainda mais por cada um ter um entendimento muito pessoal sobre quem Alaska é e suas atitudes. Não que seja uma história aberta e sem final, não é. Muito pelo contrário, é muito bem construída e desenvolvida, mas é essa a proposta.

Se você já teve algum contato com o John Green deve entender o que digo... Todo enredo sempre é cheio de reflexões e análises. O autor não é do tipo simplista ou básico. Cada diálogo, cada olhar tem uma intenção e aqui, o elenco conseguiu captar toda a essência desses personagens. Kristine Froseth, principalmente! Que atuação impecável! Não vejo outra pessoa que seria uma Alaska melhor! E Charlie Plummer fez um Miles tão sem sal assim como eu esperava, rs.

Digo pra vocês que minha mãe achou a série um pouco cansativa no início e talvez, eu tenha me empolgado mais por saber onde ela chegaria, sabe? Se você assiste no escuro, talvez tenha a mesma impressão que ela teve, porque no meu caso, eu conseguia ver os detalhes ali escondidinhos. Ela, por exemplo, passou a maioria dos episódios odiando Alaska e eu fazendo a advogada boazinha que vê o melhor nas pessoas, kkkk. Pois é, acho que esse é o poder de uma boa história, porque chegou no final, estávamos as duas abraçadas, chorando de soluçar. Ambas figadas, ambas destruídas.


Sei que "Quem é você, Alasca?" é para pouca gente, mas entendo sua importância e relevância. Ela traz um alerta sobre o poder da empatia, sobre a necessidade de pensarmos em nossas palavras e atitudes quando o outro está envolvido. Não é sobre se anular ou ser egoísta, é sobre o meio termo, sobre não se alienar ao que acontece a sua volta. Talvez não seja a história mais responsável de todos os tempos, mas falando como alguém que viveu com alguém com depressão, o choque muitas vezes é necessário para acordarmos e vermos que o mundo é mais do que o nosso próprio umbigo.

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥  (4/5) - Muito bom!

- Alessandra Salvia

Comentários

  1. Oi Alessandra, tudo bem?
    Sempre tive curiosidade a cerca do significado do título, mas nunca tive uma oportunidade de ler o livro, quem sabe agora com a série eu finalmente entenda. Dica anotada!!

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, ambos dão para entender a referência do título, Marla!

      Excluir
  2. Eu assisti ao filme um tempo atrás, mas não me lembro muito bem da estória. Planejo assistir a série algum dia.

    Boa semana!


    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ale.
    Eu li ACEDE não gostei, dai fui tentar com esse e gostei menos ainda. Por isso provavelmente não vou assistir hehe. As histórias dele não são para mim.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem dramático, Sil, não acho que faça seu gênero mesmo!

      Excluir
  4. UMA EQUIPE DINÂMICA NA TAREFA
    você precisa realizar um projeto ou desenvolver suas atividades.
    Oferecemos empréstimos para procedimentos simples com um percentual de 2%.
    Residindo apenas no Brasil, Espanha e França.
    Melhore sua condição de vida no final do ano, para o
    realização de projetos como:
    * Você precisa de um empréstimo pessoal?
    * Empréstimo de dinheiro comercial?
    * Empréstimo inseguro Empréstimo rápido e simples?
    * Processo de inscrição rápido?
    * Pagamento de conta ; e mais outros.
    Entre em contato com o Sr. Anderson rapidamente.
    Whatsapp: https://wa.link/2f7td1
    martinsanderson@outlook.fr
    Estaremos sempre disponíveis para você quando você tiver
    Preciso de ajuda.
    Nosso SUCESSO NO TRABALHO É 100%

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Filme: O Inferno de Gabriel - Parte I, II e III

Guia de Leitura Série Hades Hangmen

Filmes da Passionflix