Words Challenge: 1888 - Liberação dos Escravos

Olá amores, 

Como estão? Preparados para mais um words challenge? Hoje, confesso que eu não estava preparada quando li a temática e resolvi fazer um texto diferentão para cumprir o desafio, as palavras eram: esquecido, memória, aguentar, sorriso, pêssego, tribunal. Espero que gostem e que entendam o meu posicionamento. Ah, e tem texto lá no Interrupted Dreamer também!


Words Challenge: 1888 - Liberação dos Escravos 

"Quando me foi proposto o tema 'Libertação dos Escravos', eu logo pensei: será que estou apta para falar sobre algo tão delicado? Será que como uma jovem mulher branca, eu saberia escrever e representar essa época? Diante dessa insegurança, resolvi não arriscar. 

Esse texto será uma reflexão sobre a memória, sobre não deixar esquecido nosso passado, pois ele é um lembrete de nossa responsabilidade: não cometer os mesmos erros de antigamente, fazer o mundo um lugar melhor e conscientizar o próximo que todos somos iguais e merecemos respeito. 

Em 1888, tivemos a libertação de escravos por uma princesa branca. Romantizaram a história colocando uma doce e indefesa princesa, com pele de pêssego e laços cor de rosa no cabelo para ser a super-heroína dos injustiçados. Grande engano! A libertação iria acontecer de qualquer maneira, na época já se sabia que a luta dos escravos era ganha e as opções, simplesmente, eram dar-lhes o merecido, a tão sonhada liberdade ou perder dinheiro com as fugas na escuridão da noite. Pois é... Até mesmo a História era modificada para não assumirem o quão errado tudo aquilo era.

Felizmente, atualmente houve um aumento significativo de casos de preconceito levados ao tribunal para (tentar) conseguir justiça, mas isso ainda não é o bastante. Se a mudança não vir da base, da educação e dos exemplos que damos ao próximo e às crianças não conseguiremos acabar com as situações de exclusão e marginalização.

Estou ciente dos meus privilégios e falar que quero igualdade é fácil, o mais importante é acreditar e lutar por essa igualdade. Minha missão é levar sorrisos ao mundo, é aguentar firme perante as adversidades. É dizer ao meu colega que o passado não se repetirá e que estamos todos juntos. Ninguém solta a mão de ninguém."



- Alessandra Salvia

Comentários

  1. Oi, Alessandra como vai? O texto ficou maravilhoso, parabéns! Eu adorei a reflexão. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. bem desafiador esse tema, mas vc se saiu super bem no texto como sempre

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Oi Alê, eu gostei bastante da reflexão, é realmente difícil de abordar sendo uma mulher branca e estou muito de acordo com você. Acho que hoje se tem uma visão melhor, mas não totalmente lúcida sobre o fim da escravidão, é bom textos assim pra deixar tudo mais evidente.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Amiga, tu escolheu um tema super desafiador e fez uma verdadeira obra de arte aqui. Amei demais e me fez refletir muito.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ale.
    Acabei de escrever a resenha do livro Não basta não ser racista - Sejamos Antirracistas e me senti assim, com medo de não fazer jus ao tema que é tão importante. Mas mas uma vez você mostrou seu talento falando de uma forma tão doce sobre um assunto tão doloroso e que infelizmente ainda é ignorado por muita gente.

    Prefácio

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Filme: O Inferno de Gabriel - Parte I, II e III

Guia de Leitura Série Hades Hangmen

Filmes da Passionflix