Livro: O Círculo das Sete Pedras

Olá amores, tudo bom?

Hoje, vamos avançar nas resenhas da saga Outlander? "O Círculo de Sete Pedras" é uma coletânea de histórias do universo de Outlander escrito por Diana Gabaldon, publicada aqui no Brasil pela Editora Arqueiro enquanto o livro 9 não chega...


Antes de começar a explicar sobre essa obra, abaixo deixo todos os links das resenhas da série, porque vocês já sabem o quão apaixonada por esse mundo eu sou, né? rs Então, bora deixar tudo alinhadinho para ninguém se perder:


Bom, vamos lá: "O Círculo das Sete Pedras" é formado por 7 contos que complementam a obra original. Temos histórias baseadas tanto na juventude de Jamie como também usando personagens paralelos como Lorde John. Mas o que realmente importa é: foi uma leitura fácil e proveitosa? Sinceramente, não. O bom é que temos uma introdução que nos ajuda a situarmos em qual época cada episódio acontece, porque não adianta, é bem difícil eu me localizar nessa linha do tempo. Mas vendo a obra como uma fã, foi legal???

Então... É relativo, rs. Tem fãs que amaram e elogiam qualquer coisa que a Diana escreve, mas EU, pessoalmente, digo que me não me acrescentou em nada. Em alguns momentos que eu não lembrava nem quem eram aquelas pessoas e só queria seguir para o próximo conto para chegar em personagens que eu realmente gostava, sabe? Por isso, tomei a decisão de comentar cada histórinha com vocês, mas de uma maneira geral, pois assim, acho que vocês terão mais uma noção do que esperar para não se decepcionarem (como eu me decepcionei, rs).

Lembrando que abaixo a ordem é de apresentação no livro, não em ordem cronológica, ok? Acho que talvez seja exatamente o que mais me prejudicou na leitura... Ler fora de ordem não prende tanto minha atenção...


1) O Costume Militar: conto focado em Lorde John ambientado em 1759. Aqui, Lorde John se envolve na Batalha de Quebéc e não foi tão chato quanto eu esperava, as questão com as enguias-elétricas até que foram interessantes e o personagem em si é bem carismático, então foi fluído e ok.

2) O Espaço Intermediário: Paris, 1778. Michael Murray (filho de Ian e Jenny, é o irmão mais velho do Jovem Ian) com Joan MacKimmie (irmã mais nova de Marsali), eles ão o foco aqui. Michael está levando Joan ao convento e história cruza também com um nome também já conhecido, o Conde de Sant-Germain. E não vou mentir, eu shippei simmmm e gostaria de saber o final desses personagens. Me julguem! kkkk

3) Uma Praga de Zumbis: se alguém me falasse que esse seria meu conto favorito, eu não acreditaria, rs. Lorde John está na Jamaica em 1761 e eu achei sensacional descobrir uma das origens dos 'zumbis'. Tem uma pegada histórica forte também, porque estão tentando sufocar a revolta de escravos, mas eu me envolvi com o mistério e foi bem interessante.

4) Uma Folha ao Vento de Todos os Santos: conto dos pais do Roger, conta o que aconteceu em 1941 e 1943. Não sei se estou com um rancinho do Roger e por isso foi um conto chato, mas não me senti conectada e eu só queria seguir para o próximo, rs.

5) Virgens: o conto que mais me gerou expectativas e não chegou lá, rs. Jamie com 19 anos e Ian com 20 sendo jovens mercenários na França em 1740. Acho que acostumei com meu Jamie maduro, apaixonado por Claire e vê-lo em outro momento, não foi tão proveitoso, se é que posso dizer assim... 

6) Um Verde Fugido: esse conto transita entre Paris, Londres e Amsterdã, de 1744 a 1745. O foco é em Hal (irmão de Lorde John) e Minnie, sua futura esposa. Ela era ladra nessa época e eu não sabia nada deles, porque na verdade, eu nunca os dei tanta importância antes, rs. 

7) Sitiados: o conto que mais se aproxima do momento o qual estamos na série original. É 1762 e Lorde John está na Jamaica quando descobre que sua mãe está em Havana. Era o que eu queria? Não era e acho que passou longe de ser um bom final, porém quem sou eu para falar algo, né? Vamos aguardar o livro 9 que esse sim tem potencial para me destruir! rs


E por mais que eu não tenha aproveitado essa coletânea como um todo, sou muito grata a Editora Arqueiro que unificou todos os trabalhos paralelos da autora em uma única obra, afinal, não sei se você sabe, mas lá fora cada um desses contos foram lançados em livros diferentes (e em tempos diversos! Não foram todos de uma única vez não). Isso aconteceu aqui, porque a proposta da Editora é lançar um livro por ano, só que o "Go Tell The Bees That I Am Gone” (“Vá e diga às abelhas que eu fui embora” ) só chegará agora, no final de 2022, então esta foi a forma que encontraram para os leitores não ficarem "órfãos" de Outlander em 2021, rs. 


Espero de todo coração que vocês aproveitem a leitura mais do que eu, infelizmente, nem tudo pode funcionar sempre, né?

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ (3/5) - Bom!

- Alessandra Salvia

Comentários

  1. Oi, Alessandra. Como vai? Que pena que a experiência não tenha sido o que você esperava. Ainda bem que tenha sido bom, apesar dos pesares. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oii Ale, não conhecia nem um desses livros. É uma pena que não foi como pensou, mas pelo menos ele foi "Bom" né?
    Bjs
    https://deliriosdeumaliteraria.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir
  3. Olá, Ale.
    Que pena que não foi totalmente proveitoso. Mas é bem legal da parte da editora reunir tudo em um livro. Lembro de quando li a série Os Legados de Lorien e teve varios contos entre os livros que a Intrínseca nem se preocupou de publicar. Os fãs precisaram correr atrás de traduzir.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Oi Ale! Se você que é fã não se empolgou, deve ser bem mediano mesmo. Que pena não ser tudo que esperou. Que o próximo volume traga uma história mais empolgante para você. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  5. Nossa amiga, eu fico realmente assombrada com a sua dedicação de ler todos os livros. Eu gosto de acompanhar séries longas se elas estão sendo publicadas enquanto leio, porque se já tiver uns 7 livros eu já fico com preguiça de começar. Infelizmente eu não li Outlander e até a história não me chamou muita atenção, mas pra quem é fã deve ser realmente frustrante um livro tão aquém do que esperamos.
    Beijo!
    https://capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Alessandra!
    Gosto muito da série e não perco um episódio quando dá na TV, mas confesso que me falta coragem para ler os livros... São muito grandes! kkk Mas não sabia que existia estes livros com histórias paralelas, realmente a principio parecem ser interessantes e ainda bem que pelo menos gostou de algumas ;) Obrigada pela resenha(s)!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Alê, eu sou do tipo de leitora que ama ler qualquer coisa que o meu autor favorito escreve. Mesmo nem sempre curtindo hahaha! E adoro quando surpresas boas aparecem e é muito ruim o oposto. Mas espero que o livro 9 te surpreenda positivamente! E o que falar da Editora Arqueiro, né? Eles sempre pensam nos leitores com carinho. Adorei essa iniciativa só para não deixar a gente com tanta saudade! ♥ E, menina, sou mega curiosa para ler essa série e assistir também, mas por enquanto não rolou hahaha! ^^

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Alessandra, tudo bem?
    Ainda bem que apesar das ressalvas, foi uma boa leitura. Achei legal a editora lançar os contos. Não continuei a série, mas gostei bastante do primeiro livro, assim como da primeira temporada.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Você acredita que eu não sabia que esse livro existia? Achei muito interessante, mas confesso que se eu tivesse acompanhando o lançamento dos livros ia ficar muito brava dela publicar algo assim antes de concluir a série hahahaha.
     Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
  10. Oie, a quantidade de livros me assusta e me anima, devo me preocupar? Gosto de livros de contos, mas nem sempre todos são excelentes, mas acontece. Parei a leitura de Outlander ainda no primeiro volume, mas pretendo continuar.

    Bjs

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  11. Oi
    muitos livros desse universo , pena que se decepcionou com o livro e não fui tudo o que esperava, eu comecei a assistir a primeira temporada da serie e parei, não conseguia engrenar na história, pretendo dar uma segunda chance futuramente.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi Ale, tudo bem?
    Nossa, sei bem quando um livro de uma série que amamos vem e não nos impressiona. É meio triste, né? Porque tem toda uma expectativa por trás. E olha que Lorde John é tudo de bom! ♥ Mas se nem ele salvou, é porque as histórias realmente parecem ser dispensáveis. :(
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  13. Oiiii,
    Eu não li nenhum livro, mas assisto a serie no streaming.
    Talvez você não tenha gostado tanto por não ser uma continuação.
    Bjos
    Fátima

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Filme: O Inferno de Gabriel - Parte I, II e III

Guia de Leitura Série Hades Hangmen

Filmes da Passionflix