Livro: Leitura de Verão

Olá amores, tudo bom?

Talvez hoje seja uma das resenhas mais difíceis que terei que fazer na vida! "Leitura de Verão" da autora Emily Henry prometeu uma coisa e entregou outra completamente diferente. É algo ruim? Jamais. Só diferente e vou explicar o porquê.


Ok, para você, a leitura pode até ser mais do mesmo, mas quem consegue se identificar minimamente com a protagonista, é como se levasse um soco no estômago a cada página. Ou seja, eu apanhei tanto, mas tanto nesse livro, que não está escrito. Para quem ainda não sabe, a premissa basicamente é: dois escritores 'que não se dão bem' vivendo lado a lado após passarem por momentos delicados em suas vidas pessoais. E por mais que seja uma leitura gostosa, divertida e dramática na medida certa, quando você consegue se identificar com a história, aquilo começa a tomar outra proporção. 

Eu perdi meu pai (assim como January, a protagonista) e ler sobre o conflito entre o que é verdade, o que é mentira foi quase dilacerante. Claro, não são as mesmas circunstâncias, mas o sentimento, a forma como January sente a situação é exatamente o que eu vivi. Em diversas passagens da obra e principalmente nos pensamentos da personagem, fui transportada para 10 anos atrás, quando eu tive que viver tudo aquilo sozinha. E quando digo sozinha não é porque não tive apoio da minha família ou amigos, digo sozinha, porque eu era a filha, eu era quem sentia o abismo entre entre amar e odiar meu próprio pai. É horrível assumir isso, mas duvidar do amor dele por mim, por anos, foi algo muito recorrente e ver que não seria a única a reagir desta forma, de certa forma é reconfortante.

Na verdade, ver January avançar passinho por passinho, também me emociona. Eu vivi essas fases, eu tive que seguir em frente para chegar aqui, hoje, e conseguir abrir meu coração para vocês em uma resenha. Isso só é possível porque eu entendi que acima de tudo, meu pai também era um ser humano. Vocês não tem ideia de como foi quando eu li que o pai da personagem falava EXATAMENTE o que meu próprio pai me falava: "se você acha que a história tem um final infeliz, é porque ela ainda não acabou". Eu chorei e sorri. Ao mesmo tempo. Naquele exato momento, eu senti que meu pai estava comigo, que me amava e estava certo. Posso passar por várias dificuldades, mas tudo vai acabar bem. Somos seres humanos e viver é uma montanha russa. Está tudo bem. Vai ficar tudo bem.


Bom, paralelo a isso, temos um romance gostoso e em crescente. Eu não o considero como o ponto central da história, é algo que apenas colabora para o desenvolvimento pessoal dos personagens. É para mostrar a importância de criar vinculos, mostrar que ninguém é igual e que existem segundas chances. Os encontros de 'comédia romântica' são os melhores e a gente se pega sorrindo junto com eles a cada interação. Fofo e apaixonante! Ah, e ainda com referências a Taylor Swift, não tem como eu não panfletar e shippar esse casal! rs

Agora, o engraçado que quando entrei no skoob para ver as avaliações, não vejo ninguém focando na parte dramática da história. É elogio atrás de elogio para a escrita da autora, que sim, merece ser parabenizada, porém parece que é uma leitura que as pessoas fazem para curar uma ressaca literária e comigo foi extremamente o contrário: o livro me deixou com uma ressaca absurda e vai demorar para alguma outra obra conversar comigo com esta o fez.


"Leitura de Verão" pode ser considerado um romance dramático clichê para muitos leitores, mas quando você se identifica, é impossível simplicar as emoções em uma resenha. Foi uma leitura que mexeu com questões tão pessoais que me senti nua, totalmente exposta. Doeu. Doeu na alma. Mas tambem reconforta e deixa uma sensação de que tudo ficará bem. O ser humano tem suas falhas e nem sempre consegue demonstrar todo seu amor pelo outro, só que isso não significa que o sentimento não exista. Um dia de cada vez e aprender a perdoar é a principal tarefa para seguirmos em frente.

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5) - Favorito!

- Alessandra Salvia



Comentários

  1. Oi, Alessandra. Como você está? Parece uma obra muito comovente, né? Particularmente gosto de livros de cunho dramatico. Que bom que gostou! Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Alê. Realmente perder alguém da forma como você perdeu, deve ser muito difícil, muito aterrorizante de certa forma, então me solidarizo com você pela sua perda e tenho certeza que esse processo de cura ainda está acontecendo e é assim mesmo, cada um de nós tem o seu próprio tempo e ritmo para curar as feridas. Achei tão interessante a forma como você se sentiu tocada pelo livro. Te confesso que já tinha visto ele por aí, e não tinha me interessado, mas depois de ler sua resenha fiquei muito a fim de conhecer a história que mexeu tanto com você. Beijinhos e fique bem.

    ResponderExcluir
  3. Eu fiquei doida para ler esse livro desde que li uma resenha sobre ele no insta. De lá pra cá, li outras resenhas e vc tem razão: elas não costumam focar na parte dramática da história. E eu, como não curto drama, agora fiquei com um pezinho atrás, rsrs.... Mas não desisti, não. Ainda me parece uma leitura que vale muito a pena. Ótima resenha, aliás. Parabéns!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

    ResponderExcluir
  4. Eu lembro que quando li o livro foi um choque porque não imaginava que a protagonista estivesse lidando com tantas coisas e eu passo longe de livros relacionados a luto quando não estou emocionalmente bem para lidar com eles.

    Por não ter passado por isso, meu foco recaiu mais forte no ato em si do pai ter traído e colocado as três (filha, esposa e amante) numa posição bastante difícil!
    Lendo sua resenha e vendo pela sua perspectiva consegui entender melhor a parte do luto, mais do que quando li. Acho que só pensei nisso bem depois quando cheguei na parte das cartas (quando fiz a leitura).

    Obrigada por compartilhar. Achei importante você falar a respeito disso e me fez rever inclusive minha leitura em certos pontos e entender melhor.

    beijos

    https://duquesaazarada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Ale! Eu coloquei o livro na lista, mas exatamente pela parte do drama ainda não comecei a ler. Essa sua experiência com ele foi bem intensa e não deve ter sido fácil seguir na leitura. Que bom que gostou. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Amei a resenha. Eu li esse livro e fiquei bem dividida. Eu amei a história e a interação deles, mas achei a January um pouco egoísta e que o casal sairia melhor como amigos. E eu desejei tanto que a parte do culto tivesse um destaque maior.
    Beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Ale, tudo bem?
    Perdi meu pai aos 12 anos (por motivos diferentes dos seus) e senti com intensidade suas palavras. Sinta meu abraço. ♥
    Esse livro parece ótimo e nada superficial, por mais que as pessoas pareçam vê-lo somente como um romance fofo.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oi
    que bom que favorito a leitura, realmente a maioria das resenhas que li focava mais na parte fofoa da história no casal e não vi falarem tanto do drama, eu quero muito ler esse livro.

    https://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Perder um ente querido é doloroso, mesmo em seu vazio e profunda tristeza.
    Eu não li este livro. A sinopse e a resenha me chamaram a atenção. Então, estou baixando este.
    Uma saudação

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ale! Eu amei a sua resenha. Realmente a leitura é algo muito pessoal. Lembro quando li Amores Verdadeiros e me senti também muito conectada com a história pela forma como a autora abordou o luto.

    O pessoal fala tanto de Leitura de Verão, mas acredita que eu nem sabia que tinha essa temática também na história? Achei bem interessante e fiquei curiosa para ler!

     Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
  11. Olá, achei essa uma leitura bem agradável e quero logo ler outros livros da autora. Imagino que para quem se identifique seja bem mais profundo e fico feliz que tenha gostado da leitura.

    Bjs

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  12. Alê, que resenha mais emocionante. Sério! Têm leituras que marcam por motivos que a gente jamais pensaria. Mas no fim, que bom que foi reconfortante! A vontade é de sair correndo agora e pegar esse livro para ler hahaha. Obrigada por compartilhar com a gente, incluindo alguns trechos. E amei que tem referência sobre a Taylor uhul \o/!

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Gostei muito de ver a resenha aqui. Deu para sentir um pouco da sua emoção ao escrever a resenha e ao ler esse livro. Amei saber que a leitura foi boa mesmo sendo difícil em muitos momentos.
    Beijos.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bem??
    Esse livro já está na minha wishlist, quero muito ler!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  15. Olá, Alessandra!

    Adorei sua sinopse e compreendi seus sentimentos.
    Gosto de romances fortes, mas tenho de sentir que tudo vai acabar bem. Coincidências entre acontecimentos do livro e sua vida. Vai ver que fica tudo bem no final.

    Beijos e viva a vida.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Livro: Amor Corrompido

Últimos Assistidos #6

Série: Menajerimi Ara