Livro: A Vida Invisível de Addie LaRue

Olá amores, como estão?

Bora para mais uma resenha de fantasia? A dica da vez é "A Vida Invisível de Addie LaRue", escrita por V.E. Schuwab e publicada pela Galera Record


O ano é 1714. França. Addie LaRue comete o deslize de fazer um pacto e as consequências são desastrosas: ninguém se lembrará dela. Jamais. Agora, em 2014, a vida eterna não lhe parece mais tão atrativa quanto antes, mas quando Henry aparece em sua vida e ele se lembra dela, Addie coloca tudo o que acreditava em perspectiva. É uma fantasia mais adulta, com reflexões importantes a serem destacadas como vida, morte, como seremos lembrados e o que fazemos com o nosso tempo


Pessoalmente, esse é um livro que não me atingiu como eu queria que atingisse e isso me deixa um pouco frustrada. Não é um livro ruim, não, de maneira alguma, apenas EU não consegui me conectar com a escrita da Schwab novamente. Pois é, esse já é meu segundo contato com a autora, mas não funcionou de novo. Não sei se é a narrativa em terceira pessoa ou se tem algum outro fator, mas eu sempre me sinto distante de seus personagens, sabe? Não consigo viver aquelas linhas ou me aproximar a ponto de sentir empatia. Claro, Addie é uma ótima protagonista e entendo seus motivos, todos eles, mas não foi algo que me deixou envolvida a ponto de não querer parar a leitura. Foi uma narrativa arrastada e de tão lenta, eu me pegava sempre com sono no meio do capítulo! rs

E mesmo quem gostou da obra, acho difícil dizer que é uma leitura fácil ou para todos os públicos, porque a forma como Addie nos aproxima de temas 'tabus'/complexos é impactante. A mensagem da obra mesmo, é diferente e profunda. Cada frase nos faz querer parar 10 minutos para pensar no que aquilo realmente significa. E se é para falar do final do livro, digo que não esperava que aquilo acontecesse não. Gostei bastante de como terminou e o gancho do futuro foi muuuito inteligente (não se preocupem, é um final 'fechado', mas deixa claro que todo mundo tem um futuro e eu ameeei isso, acho inspirador e esperançoso!). 

Outra coisa que acho que pode ter atrapalhado um pouco minha relação com o livro foi que eu gostei do Luc. Eu sei, o relacionamento dele com Addie é extremamente problemático/tóxico, mas eu gostei mais dele do que o Henry e ME JULGUEM. rs. Não sei, ele tem uma parte mais... sexy, sabe? kkkk O mistério, o confronto, o ar de maldade... Fico intrigada. E é isso. O Henry, para mim, é bem apagadinho e sem sal. Bleh.


E espero que vocês tenham percebido que por mais que a leitura não tenha sido fácil ou fluída, "A Vida Invisível de Addie LaRue" tem seu brilho e merece ser divulgada, merece ser lida. Não é um livro para mim, mas se você procura obras que trazem mensagens nas entrelinhas e que permanecem mesmo após o seu final, se joga!

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ (3/5) - Bom!

- Alessandra Salvia

Comentários

  1. Olá Alê!
    Gosto muito de ler as suas resenhas, acabo sempre por conhecer livros novos!
    Não conhecia este, mas fiquei mesmo muito curiosa :D
    Ah! Quem nunca se apaixonou por um vilão ou por um personagem principal secundário? Quantas vezes dou por mim a pensar, mas «ela ficava melhor com o outro!» kkk por isso entendo (mesmo não sabendo quem é o Luc).
    Boas leituras e bom fim de semana!
    Beijos
    https://escritosdemartasousa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Alessandra, tudo bem?
    Já fiquei curiosa para saber quem é Luc, e o porque dele ser mais interessante que Henry. Espero curtir a leitura.
    Gostei da sua resenha, uma pena o livro não ter funcionando para você.

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Alê, tudo bem?
    Já tinha visto a capa desse livro, mas é a primeira vez que leio uma resenha.
    Não estou 100% convencida a ler, não estou em busca de livros com reflexão muito profunda por hora, mas nem por isso descartaria a possibilidade de ler um dia. Fica na minha lista.

    Até mais;
    Mente Hipercriativa | Universo Invisível

    ResponderExcluir
  4. Oi, Alessandra. Como vai? Parece uma fantasia interessante, não é mesmo? Que pena que você não se envolva tanto com o gênero. Muito boa a resenha. Abraço!



    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ale! Eu amo os trabalhos desta autora e não vejo a hora de ler esta nova obra. Um livro dela que não atingiu minhas expectativas foi Um Tom Mais Escuro de Magia, que pretendo reler para poder continuar a série. Eu talvez não estivesse no momento certo para lê-lo naquela época. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  6. Olá, Ale.
    É uma pena que o livro não funcionou com você. Indico que leia A Melodia Feroz, acho que faz mais seu estilo. Eu gostei muito do livro, mas entendo que os livros dela não funciona com todo mundo mesmo não, principalmente os que ela assina como V.E. Schwab. E entendo seu fascínio pelo Luc porque também fiquei, ele é muito mais interessante que o Henry mesmo hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  7. Oi Ale, tudo bem?
    Já vi alguns comentários negativos sobre esse livro, mas os positivos prevaleceram. Achei a proposta da fantasia bem legal, por isso ele permanece na minha wishlist. Espero gostar!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oi, Alê!
    Os temas são tão bacanas, que deu uma tristeza que a leitura não tenha te atingido como você esperava.

    Acontece, né?

    Um beijo,
    Fernanda Rodrigues | contato@algumasobservacoes.com
    Algumas Observações
    Projeto Escrita Criativa

    ResponderExcluir
  9. Oooi, Ale.
    Eu tava super com um pé atrás com esse livro por causa do hype, mas acabei me surpreendendo, li e amei. Mesmo tendo gostado, é como você disse, não tem como dizer que é uma leitura fácil porque não é, é complexa em diversos pontos e nos faz refletir muito.
    Eu me senti impactada e com tanta pena da personagem que acabei me apegando demais à ela. E sim, por mais problemático e tudo mais que o Luc seja, também gostei dele kkkkk ainda mais dele do que do Henry.

    Beijos,
    Dear Masen

    ResponderExcluir
  10. Esse livro já estava na minha lista de leitura, não sei ainda quando conseguirei ler mas espero que muito em breve.
    Gostei de saber que a leitura não foi tão fluida assim mas, que vale a pena ler.
    beijos.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi, Ale. Tudo bem?
    Eu só tinha lido elogios sobre esse livro, tanto que coloquei ele na minha lista de leitura. Bom saber que ele demora para engatar e não flui tão bem dá para chegar sem expectativas.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

    ResponderExcluir
  12. Oi Alê, ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre esse livro, mas já tinha visto uma cópia física numa livraria e ficado intrigada. Que pena você não ter conseguido se conectar com a escrita da autora, super chato quando isso acontece, né? Depois de ler a sua resenha, confesso que perdi um pouco da curiosidade ~ acho que vou investir em outros livros e, quem sabe, retornar para esse no futuro. Beijo, beijo :*

    ResponderExcluir
  13. Oi Ale,

    Achei sua opinião muito próxima da minha. Eu também gostei mais do Luc do que do Henry o que me deixou confusa devido o aspecto tóxico do Luc com a Addie. A leitura para mim também não foi tão rápida e não me conectei tanto com o livro quanto gostaria.

    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir
  14. Oi Alê.
    Eu não sei bem o motivo, mas quando um livro está no hype fico com certo receio de ler. Às vezes estou certa e realmente não funciona para mim. Esse é um livro que eu estava curiosa mas ficava na dúvida se iria gostar ou não já que nunca li nada dela antes. Uma pena que a leitura não foi tudo que você esperava.
    Bjus

    ResponderExcluir
  15. Oie ! Não conhecia o livro, me parece ser super interessante, fiquei com muita vontade de conhecer.

    www.blogresenhando.travel.blog

    ResponderExcluir
  16. Oie Alê.

    Se teve um livro da Schwab que dividiu opiniões foi esse e é uma pena que você não gostou tanto do livro assim, mas entendo os seus pontos. Eu gostei muito dele principalmente modo como ele trata de certos temas e com frases tão impactantes, só não foi um 5 estrelas pq não curti muito o final.

    Sobre o Luc, acho que fui umas das poucas pessoas que não ficou fascinada por ele, mas quem nunca se apaixonou por um vilão né? :) Sei que o Henry é um personagem que não causa muita apelação ao leitor, mas pra mim ele é coisa mais fofa do mundo, e o jeito que ele e Addie vão se conhecendo me cativou de um jeito que deu vontade de botar ele num potinho e cuidar dele pra sempre HAAHAAHAH


    Abraços
    http://www.auniversitaria.com/

    ResponderExcluir
  17. Oiii,
    Que pena que o livro não agradou novamente!
    Eu já tinha visto algumas pessoas falando que também não gostaram, mas ninguém tem o mesmo gosto. Mas sempre vale a pena dar uma chance.
    Depois de ler sua resenha desanimei completamente de ler.
    Bjo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Livro: Amor Corrompido

Últimos Assistidos #6

Série: Menajerimi Ara