sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Séries: Downton Abbey

Oi pessoal!

A dica de hoje é de uma série incrivelmente bem feita! 


Downton Abbey é uma série britânica que já ganhou vários prêmios, como Emmy e Globo de Ouro na categoria melhor série dramática. A história aborda a vida da aristocracia no início do século XX. Downton é o nome da propriedade luxuosa na qual vive a família Crawley, Conde Robert e Condessa Cora com as três filhas mulheres, Lady Mary, Lady Edith e Lady Sybil. Porém, naquela época mulheres não eram aceitas como herdeiras, então um primo distante, chamado Patrick iria assumir a propriedade, além dos títulos Conde de Grantham e senhor de Downton Abbey.

E assim começa a série, o acidente do Titanic infelizmente mata Patrick e seguindo a linha de sucessão o novo herdeiro é: Matthew Crawley (advogado simples e primo ainda mais distante) que se vê obrigado a viver na nova e luxuosa vida de jantares, bailes, segredos e intrigas.


Outro ponto interessante é a vida dos empregados. Liderados pelo mordomo Sr. Carson, criados, camareiras, lacaios e cozinheiras são parte importante para o desenvolvimento da história.

Vamos agora aos pontos fortes da série? Vestuário, cenários, atores e história de alta qualidade. A série é muito bem estruturada. Marcando os anos e os fatos importantes, como a Primeira Guerra Mundial. O enredo trás o realismo e nos faz cada vez mais fascinados pela história da família.



Lady Mary e Matthew formam um dos casais mais lindos que eu já vi na televisão! Baseados em histórias de Jane Austen (começando por “Orgulho e Preconceito” seguido por “Persuasão”), o casal se envolve gradativamente e não conseguimos deixar de amá-los e torcer para que se acertem! Outro ponto legal de ressaltar é que nenhum personagem é 100% bom, ou 100% ruim, são todos humanos e que te envolvem do início ao fim.

Estou assistindo a quarta temporada e posso dizer que já sorri e já chorei horrores (principalmente com o final da terceira, mas não darei spoilers, fiquem tranquilos!). Infelizmente, já foi confirmado que a sexta temporada será a última, portanto, teremos um final sim, nada de cancelamentos inesperados. Sendo assim, realmente vale a pena! Aqui no Brasil a série é exibida pela GNT e pela TV Cultura!

-Ale

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Resenha: A Escolha Perfeita do Coração

Olá amores!

Hoje a resenha é sobre um livro difícil de descrever. "A Escolha Perfeita do Coração" da autora nacional Bianca Briones foi publicado pela Verus Editora e é a continuação do livro "As Batidas Perdidas do Coração" e também ajuda a introduzir a história do Bernardo e da Clara para "O Descompasso Infinito do Coração", porém vamos focar em Rafa e Vivi hoje?



Quem quiser ler as minhas outras resenhas (eu ficaria muito feliz, porque são meus livros preferidos) é só clicar: As Batidas Perdidas do Coração e O Descompasso Infinito do Coração.

O livro "Escolha Perfeita" é a continuação de uma história cheia de dor e renovação. Como eu sempre digo, esses livros me tocam de uma forma muito profunda por tratar do tema "perdas". Vivi (a personagem principal) e eu temos uma sintonia por nossos pais serem muito parecidos (muitas vezes ao ler Vivi falando sobre o pai, me vi naquelas páginas e isso já foi marcante. Para quem ainda não sabe, meu pai faleceu há 4 anos). Mas vamos a sinopse dessa nova 'aventura':

"Continuação do sucesso As batidas perdidas do coração Viviane e Rafael enfrentaram uma montanha-russa de emoções em As batidas perdidas do coração, antes de finalmente se entenderem e conseguirem o que tanto queriam: ficar juntos para sempre. Agora, dois anos depois, esse recomeço está longe de ser tranquilo. Os fantasmas de Rafael o assombram, e Viviane, mais uma vez, precisa lutar para mostrar que ele mesmo é seu único inimigo. O que fazer quando a pessoa que você ama é uma força autodestrutiva? Como redimir alguém que não acredita ser digno de redenção? É possível amar a pessoa que mais te magoou? Até onde vale a pena lutar por um amor? Esta é a chance de Rafael e Viviane aprenderem que a mesma pessoa que pode partir seu coração em mil pedaços é capaz de juntar os estilhaços e fazer você se sentir inteiro outra vez." (Fonte: Skoob)

O que eu achei?

Li em 3 horas. E novamente com a sensação de que me tornei alguém diferente após a leitura. Chorei e sorri. Livro bem curtinho e nos deixa a sensação gostosa ao terminar de ler, aquele sorriso nos lábios e agitação que só vai passar quando eu ler o livro da Branca (próximo livro que a autora lançará em 2016 e só quem leu entende a sede de Rodrigo e Lex que eu tenho dentro do meu coração!).

Não tenho palavras para descrever o quanto esses livros da Bianca Briones me afetam. Acabo de ler mais uma vez com lágrimas nos olhos e com a fé renovada! Com toda a certeza, é um dos meus livros favoritos e digo que vale imensamente a leitura. 

Minha mãe e minhas amigas não aguentam mais eu falar sobre esse livro, já fiz 7 amigas lerem essa série e vou continuar falando sobre o quanto eu amo essas histórias, personagens e autora. Não é NADA clichê, juro para vocês! 




Agora me diz, você que está aí do outro lado lendo essa resenha, POR QUE AINDA NÃO LEU OS LIVROS? São incríííííveis! 


Minha classificação: ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

- Ale

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Séries: Pretty Little Liars - 6ªTemp.

Olá pessoal!

Hoje vou fazer uma pequena análise sobre a primeira metade da 6ª temporada da minha série guilty pleasure: Pretty Little Liars. Caso você não conheça, vou dar um resumão para ver se você se interessa em assistir. Lembrando, não vou dar spoilers do que aconteceu, apenas vou mostrar 3 pontos positivos dessa temporada e 3 pontos negativos

Mas vamos começar o post falando com quem não conhece a série. São 5 amigas que após o desaparecimento de uma delas, as outras 4 começam a receber mensagens com ameaças e chantagem (todas possuem muitos segredos e apenas Alison, a menina que desapareceu sabia de todos eles). Essas mensagens são assinadas por - A e cada vez mais os segredos e ameaças se tornam um perigo para as quatro meninas, Aria, Hanna, Emily e Spencer. Veja o trailer aqui:


Agora vamos para o 3 fatos mais legais que aconteceram nessa temporada:

1 - Tivemos respostas!

Descobrir quem é - A, quem é Red Coat e a Black Widow foi um grande passo para a série. Não quer dizer que eu gostei de todas as escolhas, mas para falar sobre isso, eu teria que dar spoilers e não acho justo com quem ainda está assistindo ou irá assistir. Mas digamos que eu esperava esse drama todo com - A e realmente me surpreendeu.

2 - A. ultrapassa os limites!

Assim, A chegou em um novo patamar. Parou de fazer ameaças sobre contar sobre namorados, traições e acidentes e realmente partiu para a loucura absoluta. Não que isso seja bom, mas conseguimos entender e justificar a história de A. Se não tivesse acontecido tudo o que aconteceu desde a season finale da temporada 5 e essa primeira metade da temporada 6 acredito que não teríamos motivos convincente para toda a série existir. 

3 - Amizade abalada e superação!


Primeira vez que vejo a amizade entre as meninas realmente abalada, já houveram brigas, mas nada comparado com essa temporada. O afastamento é decorrente do excesso de bagagem que cada uma trás após o 06x01. E ver que todas se esforçam para superar e serem perdoadas (umas pelas outras) é bem legal, a amizade ainda mais forte no final do 06x10 me deixou emocionada (poxa, são 6 anos acompanhando esses dramas, então fiquei feliz com o resultado).

Porém, nem tudo são flores. Vamos as 3 piores coisas dessa fase de PLL:

1 - Cadê Jenna Marshall?


Eu sei que a atriz acabou de ter uma bebê, mas poxa... ela sumiu da série e só foi citada no 06x10. Merecia mais destaque!

2 - Faltou explicações!

Nem tudo são flores MESMO. Descobrimos muitas coisas, mas ainda falta explicações de algumas mortes e alguns personagens perdidos no meio do caminho. Claro, a série ainda não acabou. Temos a segunda metade da sexta temporada e a sétima (e última) temporada já foi confirmada, então só nos resta esperar e ver o que Marlene King (a produtora) nos explica.

3 - Red Coat e Black Widow!


Tinha que colocar aqui. Totalmente indignada. Refaz isso produção! AGORA!



Agora chegou sua vez de me dizer: já assiste ou vai assistir? Gostou dessa temporada? Me conta!

- Ale

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Resenha: Maze Runner - Prova de Fogo

Olá amores!

Hoje a resenha é sobre a continuação do livro Maze Runner - Correr ou Morrer (não leu a resenha do livro 1? Clica AQUI!). O segundo volume dessa série se chama Maze Runner - Prova de Fogo escrito por James Dashner e publicado pela V & R Editoras.

Sinopse:
"O Labirinto foi só o começo... o pior está por vir. Depois de superarem os perigos mortais do Labirinto, Thomas e seus amigos acreditam que estão a salvo em uma nova realidade. Mas a aparente tranquilidade é interrompida quando são acordados no meio da noite por gritos lancinantes de criaturas disformes – os Cranks – que ameaçam devorá-los vivos. Atordoados, os Clareanos descobrem que a salvação aparente na verdade pode ser outra armadilha, ainda pior que a Clareira e o Labirinto. E que as coisas não são o que aparentam. Para sobreviver nesse mundo hostil, eles terão de fazer uma travessia repleta de provas cruéis em um meio ambiente devastado, sem água, comida ou abrigo. Calor causticante durante o dia, rajadas de vento gélido à noite, desolação e um ar irrespirável – no Deserto do novo mundo até mesmo a chuva é a promessa de uma morte agonizante. Eles, porém, não estão sozinhos – cada passo é espreitado por criaturas famintas e violentas, que atacam sem avisar. Manipulação, mentiras e traições cercam o caminho dos Clareanos, mas para Thomas a pior prova será ter de escolher em quem acreditar." (Fonte: Skoob)

O que eu achei?

O livro é muito bem construído, nos tira o fôlego em certas horas. Thomas e os outros clareanos são separados de Teresa e descobrem a existência de outro grupo 'concorrente'. Ao mesmo tempo que parecem ter respostas de tudo (aquelas deixadas ao final do livro 1 e outras que são explicadas pelo Homem Rato no livro 2) parecem não saber de nada.

Ao serem colocados no deserto, o labirinto pode ser comparado a uma colônia de férias. Dor, morte e traição marcam essa nova etapa da história que realmente superou minhas expectativas.

Ah, mas se tem uma personagem que me irritou foi a Brenda. Ela é uma Crank, ou seja, contraiu o Fulgor e já estava no deserto bem antes dos clareanos chegarem. Não quero dar spoiler, mas mesmo com tudo o que aconteceu neste livro, eu ainda sou #TeamTeresa.

Meu coração dói ao ver para onde a história está se encaminhando, mas quero muito ler a continuação chamada "A Cura Mortal". Acredito que Thomas tomará novamente uma posição importante para os sobreviventes (coisa que não aconteceu neste livro 2, ele ficou bem amedrontado e diversas vezes me perguntei se ele era o mesmo personagem de antes, acredito que muita coisa ainda vá mudar).

Vale ressaltar que esse filme estreia no cinema no mês que vem, 17 de setembro. Veja o trailer:



Minha classificação: ♥ ♥ ♥ ♥

E você já leu? Se animou a ler? Ou ficará só no filme?

- Ale

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Cinema: A Escolha Perfeita 2

Olá pessoal!

Hoje a dica de cinema é sobre a comédia musical A Escolha Perfeita 2 que entrou em cartaz semana passada. 


O filme se passa três anos após o primeiro e continua a contar a trajetória das Barden Bellas. Quer ver o trailer?



Becca interpretada pela Anna Kendrick continua com um dos papéis principais, ela precisa conciliar a vida adulta com a competição A Capella, mas é importante lembrar que as Barden Bellas precisam ganhar, afinal, em uma grande apresentação para o presidente Obama, Fat Amy sofreu um acidente e fez com que a faculdade cancelasse o clube das garotas.

Basicamente, é essa a história, mas as meninas conseguem complicar tudo e colocar um monte de música boa durante a 1h de 54 minutos de filme.


Consegui identificar muita influência de Glee durante o filme, mas as Barden Bellas não perderam a essência nessa sequência dirigida por Elizabeth Banks

Vejo muitas críticas negativas ao filme, mas eu gostei, enredo raso e previsível, mas é uma comédia gostosa de assistir e principalmente, com música boa! Digo que gostei bastante, mas ainda não superou o primeiro filme.

Minha classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 

- Ale

sábado, 15 de agosto de 2015

Feliz Aniversário Jennifer Lawrence!

Olá amores!

Hoje, 15 de agosto, é aniversário da minha atriz favorita Jennifer Lawrence! Como ano passado eu fiz post especial, esse ano também não poderia esquecer. Hoje além da comemoração, vou citar os meus 5 filmes favoritos dela.




1 - Saga Jogos Vorazes


Ok. Esse é previsível. Mas foi o primeiro filme que eu assisti com ela e o que me chamou atenção sobre seu talento e sobre a personalidade da atriz (ela nunca deixa uma entrevista ser normal, HAHA). Uma personagem que é a esperança para uma nação, responsável por uma revolução. Katniss Everdeen é uma personagem cheia de traumas e coragem que contrasta bem com a atriz.

2 - O Lado Bom da Vida

Tiffany foi o personagem que deu um Oscar a Jen. E é uma das comédias românticas mais legais que eu já assisti. Não é aquele clichê de Hollywood não, Jen interpreta uma viúva cheia de problemas que se interessa por Pat (Bradley Lindo Cooper) também com problemas psicológicos após a separação da ex mulher. Existe o livro que em breve quero ler e trarei resenha para vocês!

3 - Inverno da Alma

Esse filme deu a primeira indicação ao Oscar para a atriz. O filme em si é bem parado, mas com uma carga dramática muito grande. A personagem de Jen chama-se Ree Dolly e ela busca o pai após descobrir que está prestes a perder a casa em que mora com os irmãos por culpa dele.

4 - Vidas Que Se Cruzam

Esse filme tem além da Jen, Charlize Theron. Não quero dar spoilers, porque foi um filme que eu gostei bastante do enredo e da atuação de ambas as atrizes. O filme basicamente conta a história de Mariana que descobre a traição da mãe e tenta consertar a situação.

5 - X-Men 

Jen como Mística arrasa! Fui assistir no cinema de tanto que gosto dessa versão dos X-Men (Primeira Classe, Dias de um Futuro Esquecido e em breve Apocalypse). Ela mesmo já confirmou que está aberta a negociações para um filme solo da personagem (que na minha opinião, seria incrível!!!!).

E dentre muuuuuuuuitos mais: Trapaça, A Última Casa da Rua, Um Novo Despertar, Loucamente Apaixonados, Serena... e em breve Joy - O Nome do Sucesso, quer ver o trailer? Dizem que Jen tem grandes chances de outro Oscar com essa atuação:



Então é isso: Feliz Aniversário para essa excelente atriz, mas quem ganha o presente somos nós com seu ótimo trabalho.

- Ale



quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Resenha: Percy Jackson e a Maldição do Titã

Oi Pessoal,

Vamos continuar com as resenhas de “Percy Jackson e Os Olimpianos”? “A Maldição do Titã” é o terceiro livro da série escrito por Rick Riordan publicado pela Editora Intrínseca.

Sinopse:
"Um chamado do amigo Grover deixa Percy a postos para mais uma missão: dois novos meios-sangues foram encontrados, e sua ascendência ainda é desconhecida. Como sempre, Percy sabe que precisará contar com o poder de seus aliados heróis, com sua leal espada Contracorrente... e com uma caroninha da mãe. O que eles ainda não sabem é que os jovens descobertos não são os únicos em perigo: Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um de seus planos mais traiçoeiros, e nossos heróis serão presas fáceis. Um monstro ancestral foi despertado – um ser com poder suficiente para destruir o Olimpo –, e Ártemis, a única deusa capaz de encontrá-lo, desapareceu. Percy e seus amigos têm apenas uma semana para resgatar a deusa sequestrada e solucionar o mistério que ronda o monstro que ela caçava." (Fonte: Skoob)

O que eu achei?



Divertidíssima e repleta de ação, essa terceira aventura da série coloca nosso herói e seus aliados frente a frente com o maior desafio de suas vidas: a terrível profecia da maldição do titã.

A história continua com os mesmos personagens, porém com a nova amiga: Thalia, a filha de Zeus que despertou com o Velocino de Ouro.

Após o sátiro Grover pedir ajuda a Percy e Annabeth, todos se encontram numa escola para levar dois ‘meio-sangue’ novos ao acampamento.  Infelizmente, os monstros estão a solta e mais uma luta acontece. E uma das piores coisas acontecem: Annabeth desaparece.

Foi nesse momento que fiquei com medo do livro. Um dos pontos altos da leitura, na minha opinião, é a relação Percy/Annabeth e com ela desaparecida, não teríamos essa abordagem tão rápido.

Outros personagens surgem para dar uma animada. São as caçadoras, filhas da Deusa Artemis, deusa da guerra que também foi raptada. O desenvolvimento do livro é basicamente quando Percy, Grover, Thalia, Bianca e Zoë vão em busca de Arthemis e Annabeth.

Dos três livros do Percy, esse foi o mais lento, mas não menos interessante. Me envolvi bastante com a luta deles, mas a Thalia foi um personagem que me irritava muitas vezes. Continuo com a opinião de que vale a leitura, mesmo sendo o livro que menos me agradou.

E é obvio que o final deu um gancho importante para a continuidade da história!

Minha classificação: ♥ ♥ ♥ ♥

- Ale

sábado, 8 de agosto de 2015

Feliz Dia dos Pais!

Olá pessoal!

Hoje o post é sobre o Dia dos Pais, mas como eu já disse em vários posts, infelizmente, meu pai faleceu há 4 anos e cada dia dos pais ou aniversário dele, eu sempre coloco uma foto nossa e algum recado, alguma declaração sobre o quanto eu o amo e sinto saudades, mas hoje resolvi fazer algo um pouco diferente. Meu pai sempre gostou muito de rock e me influenciou a gostar de alguns clássicos. Portanto, hoje o post especial é para ele que onde estiver deve estar orgulhoso por eu o estar homenageando com música boa.

Selecionei 5 músicas que eu e meu pai gostamos em comum, sendo a última uma que nós dois cantávamos juntos no carro, como se estivéssemos no filme mesmo. Pai, espero que você goste:

1 - Wish You Here - Pink Floyd



2 -  Bohemian Rhapsody - Queen




3 - Piece of my Heart - Janis Joplin



4 - Wonderful Tonight - Eric Clapton



5 - Cruisin do filme Duets - Huey Lewis e Gwyneth Paltrow




Feliz Dia dos Pais, para meu pai Fábio, onde ele estiver! ♥
- Ale

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Cinema: Homem Formiga

Olá pessoas!


Eu sei, eu sei... Homem Formiga já está em cartaz faz um tempinho, mas só agora eu consegui ir ao cinema para assistir e MEU DEUS, QUE FILME LEGAL! HAHAHAHAHA

Bom, para quem não viu, aqui está o trailer:




Mas vamos ao que interessa: o filme se inicia com a apresentação do Scott, quem ele é e o que faz da vida. Ele é um ex-presidiário que comete furtos, mas quer refazer a vida dele para poder participar do crescimento da filha (que mora com a mãe e o padrasto). Em um desses furtos, ele rouba (incrivelmente bem roubado, por sinal) a roupa do Homem Formiga. E tudo muda, obviamente.

O filme é muito engraçado, com ótimas referências e efeitos especiais incríveis! Cheguei até a me emocionar em determinada cena, muito bom mesmo. MUITO bom mesmo, vi muitas pessoas não dando nada pelo trailer e depois saindo do cinema totalmente surpresas.



No mundo hollywoodiano atual, os trailers vem entregando todo o filme, muitas vezes não conseguimos nos surpreender, mas com Homem Formiga não. Foi totalmente ao contrário! Além da sala estar LOTADA e todo mundo envolvido no filme de tão bom que é.

Ah, e as DUAS cenas pós créditos também valem super a pena! O que foi aquilo??? Eu não respirava! HAHAHHAA

Vale muito o ingresso! Saí do cinema querendo mais. E você? Já viu ou como eu não estava colocando muita fé no personagem?

- Ale

sábado, 1 de agosto de 2015

Resenha: Maze Runner - Correr ou Morrer

Olá pessoal!

Hoje a resenha é sobre o livro "Maze Runner - Correr ou Morrer" do autor James Dashner publicado no Brasil pela V & R Editoras. É importante ressaltar que esse é o primeiro volume de uma série de 5 livros. Mas vamos a sinopse:

"Ao acordar dentro de um escuro elevador em movimento, a única coisa que Thomas consegue lembrar é de seu nome. Sua memória está completamente apagada. Mas ele não está sozinho.
Quando a caixa metálica chega a seu destino e as portas se abrem, Thomas se vê rodeado por garotos que o acolhem e o apresentam à Clareira, um espaço aberto cercado por muros gigantescos. Assim como Thomas, nenhum deles sabe como foi parar ali, nem por quê. Sabem apenas que todas as manhãs as portas de pedra do Labirinto que os cerca se abrem, e, à noite, se fecham. E que a cada trinta dias um novo garoto é entregue pelo elevador. Porém, um fato altera de forma radical a rotina do lugar - chega uma garota, a primeira enviada à Clareira. E mais surpreendente ainda é a mensagem que ela traz consigo.
Thomas será mais importante do que imagina, mas para isso terá de descobrir os sombrios segredos guardados em sua mente e correr, correr muito." (Fonte: Skoob)

O que eu achei?

Já tinha visto o filme no cinema no ano passado, mas sempre li críticas sobre as imensas diferenças na história. Eu havia gostado bastante do filme e quando comecei a ler pensei que os Clareanos eram MUITO irritantes, pegavam pesado demais com Thomas (ponto positivo para o filme). Mas no decorrer da história, principalmente o Newt, foi me conquistando e com a chegada de Teresa na Clareira o livro começou a me interessar mais. 

A construção da história foi ótima, ritmo de leitura bem gostoso e envolvente. As cenas de ação são bem dinâmicas e de tirar o fôlego. Gostei muito da relação Thomas e Teresa (o que realmente senti falta na versão cinematográfica), e no livro deu um toque bastante especial  (sem spoilers, podem ficar tranquilos)

Não consegui me emocionar o quanto gostaria, por já saber o que iria acontecer, porém com as diversas mudanças feitas  na história, eu consegui me envolver até a última página. Poderia ter me surpreendido bem mais sim, mas nada que tenha estragado minha leitura., até pelo contrário, vi os acontecimentos com outros olhos e analisando os fatos de forma diferente, houve muito mais sacrifício e isso me deixou surpresa.


E caso você já tenha assistido o filme 1 ou lido os livros, o trailer de "Maze Runner - Prova de Fogo" já está disponível. O filme estreia em 17 de setembro e espero trazer resenha para vocês!


Minha classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 

Agora me conta! O que você achou? Já leu ou quer ler?

- Ale