quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Séries 2016

Olá pessoas!

Como vocês estão? Preparados para mais expectativas 2016? Pois eu estou prontinha! Dessa vez, vou trazer as principais estreias de séries. Vamos lá?

1 - Legends of Tomorrow:



Lançamento: 21 de janeiro de 2016

Sinopse: Quando heróis sozinhos não são o suficiente... o mundo precisa de lendas. Já tendo visto o futuro, um deles irá desesperadamente tentar impedi-lo de acontecer. Rip Hunter (Arthur Darvill), o viajante do tempo, recebe a tarefa de reunir um disforme grupo de heróis e vilões para confrontar uma ameaça difícil de parar; uma que não ameaça somente a integridade do planeta, mas do próprio tempo como uma entidade. Será que este improvável time é capaz de combater uma ameaça imortal, diferente de tudo que eles conhecem?

Motivos para estar empolgada: Mais um spin off de Arrow e Flash. Com o crescimento dos heróis, há quem diga que já estamos com overdose de séries da DC Comics (Supergirl que o diga) e é com isso que estou preocupada. O trailer me animou, por ver personagens que sinto falta como Canário Branco e Capitão Frio, mas não nego que tenho receio do enredo ser "mais do mesmo". 



2 - Pequenas Grandes Mentiras:


Lançamento: Sem data de estreia, mas será exibida pela HBO

Sinopse: Todos sabem, mas ainda não se elegeram os culpados. Enquanto o misterioso incidente se desdobra nas páginas de Pequenas grandes mentiras, acompanhamos a história de três mulheres, cada uma diante de sua encruzilhada particular.
Madeline é forte e passional. Separada, precisa lidar com o fato de que o ex e a nova mulher, além de terem matriculado a filhinha no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline, parecem estar conquistando também sua filha mais velha. Celeste é dona de uma beleza estonteante. Com os filhos gêmeos entrando para a escola, ela e o marido bem-sucedido têm tudo para reinar entre os pais. Mas a realeza cobra seu preço, e ela não sabe se continua disposta a pagá-lo. Por fim, Jane, uma mãe solteira nova na cidade que guarda para si certas reservas com relação ao filho. Madeline e Celeste decidem fazer dela sua protegida, mas não têm ideia de quanto isso afetará a vida de todos.Reunindo na mesma cena ex-maridos e segundas esposas, mães e filhas, bullying e escândalos domésticos, o novo romance de Liane Moriarty explora com habilidade os perigos das meias verdades que todos contamos o tempo inteiro.

Motivos para estar empolgada: Na realidade, é um livro, que será adaptado para a televisão. Confesso que já estou correndo atrás da obra para não me perder no enredo. Aliás, o elenco está incrível! Reese Whiterspoon e Nicole Kidman irão protagonizar, porém contará ainda com a presença de Shailene Woodley \o/.

3 - Shadowhunters:


Lançamento: 12 de janeiro de 2016 (ABC Family) e 13 de janeiro de 2016 (Netflix)

Sinopse: Shadowhunters acompanha a jornada de Clary Fray (Katherine McNamara), uma jovem que descobre ser de uma linhagem de Caçadores de Sombras, seres responsáveis pela proteção do mundo sobrenatural, cheio de demônios, vampiros e lobisomens. Quando sua mãe é sequestrada, ela precisa entender melhor sua própria história e se junta a outros caçadores. Entre eles, está Jace (Dominic Sherwood), com quem ela forma um triangulo amoroso ao lado de seu melhor amigo, Simon (Alberto Rosende).

Motivos para estar empolgada: Mais livros sendo adaptados e dessa vez é a saga "Instrumentos Mortais" de Cassandra Clare. Eu não sou a maior fã do mundo desses livros, mas adorei o filme feito com a Lily Collins e tenho esperanças com a série. AH, muito importante ressaltar que a Netflix já conseguiu os direitos da série e irá disponibilizar os episódios um dia após a exibição no canal de origem (ABC Family).


4 - Fuller House:


Lançamento: 26 de fevereiro (Netflix)

Sinopse: Em Fuller House, as aventuras da família Tanner, de Três é Demais, continuam. D.J. Tanner-Fuller (Candace Cameron-Bure) perdeu recentemente o marido, e está grávida. A sua irmã mais nova, Stephanie Tanner (Jodie Sweetin) aspirante a cantora, e sua melhor amiga, mãe solteira Kimmy Gibbler (Andrea Barber)  - e sua filha adolescente Ramona, todas se mudam para a casa de DJ para ajudá-la a cuidar dos dois filhos dela - o rebelde JD, de 12, e o neurótico Max, de 7.

Motivos para estar empolgada: Eu sou da geração "Três é Demais" no SBT, então tenho MUITO o que comemorar. Netflix traz de volta uma sensação dos anos 90 e com parte do elenco original. Não tem como não amar! 


5 - Luke Cage:

Lançamento: Sem Previsão, mas é Netflix

Sinopse: Luke Cage é um ex-membro de gangue que foi preso acusado de um crime que não cometeu. Um experimento sabotado deu a ele super-força e resistência, e ele escapa da prisão para se tornar um super-herói de aluguel.

Motivos para estar empolgada: Depois de duas grandes surpresas positivas, Demolidor e Jessica Jones, chega a hora de Luke Cage ganhar mais destaque. O ex dono de bar ganha sua própria série no mesmo universo dos amigos que compõe os "Defensores". Lembrando que Punho de Ferro também irá estrear em breve e Elektra aparecerá em Demolidor. Netflix cresce a cada dia e com isso deixa milhares de fãs ansiosos! 

6 - 3%

Lançamento: Segundo semestre 2016 (Netflix)

Sinopse: Com 7 episódios em sua primeira temporada, a série 3% é um thriller que retrata um mundo dividido entre progresso e devastação. A única chance de passar para "o lado melhor" é por meio de um processo cruel – e nem sempre justo – onde somente três por cento dos candidatos são aprovados. Com isso, temas como a vida em sociedade e regras de convivência serão trabalhados, assim como as suas vantagens e desvantagens. O seriado será protagonizado por João Miguel (Xingu, O Canto da Sereia) e Bianca Comparato (Sessão de Terapia, Como Esquecer). O roteiro é de Pedro Aguilera. Já a direção deve ficar por conta do uruguaio erradicado no Brasil Cesar Charlone, diretor do longa O Banheiro do Papa.

Motivos para estar empolgada: A primeira série brasileira da Netflix! Depois de tantas produções ótimas e o grande destaque ne Wagner Moura em Narcos, há grandes chances de 3% agradar também. Enredo interessante e distópico, algo bem em alta na atualidade.

Agora me conta, qual série você está mais animado (a) para assistir???

- Ale

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Filmes 2016

Olá amores!

Eu iria fazer um post especial com o que mais me empolga para 2016, porém, resolvi dividir em categorias para ficar mais completo e também mostrar a vocês o que o Estante da Ale pretende publicar nesse próximo ano. Vamos começar com os filmes? O que mais me empolgam são:

1 - Deadpool:

Lançamento: 16 de fevereiro de 2016

SinopseEx-militar e mercenário, Wade Wilson (Ryan Reynolds) é diagnosticado com câncer em estado terminal, porém encontra uma possibilidade de cura em uma sinistra experiência científica. Recuperado, com poderes e um incomum senso de humor, ele torna-se Deadpool e busca vingança contra o homem que destruiu sua vida.

Motivos para estar empolgada: Um anti-herói completamente diferente de tudo que temos hoje em dia. Seu humor peculiar me intriga e eu gosto bastante do Ryan. Já vi o trailer no cinema e gostei muito do que foi apresentado.


2 - Como Eu Era Antes de Você:



Lançamento: 16 de março de 2016

SinopseWill é um garoto rico e bem-sucedido, até sofrer um grave acidente que o deixa preso a uma cadeira de rodas. Ele está profundamente depressivo, e contrata uma garota do campo para cuidar dele. Ela levou uma vida modesta, com dificuldades financeiras e problemas no trabalho, mas está disposta a provar para Will que ainda existem razões para viver.

Motivos para estar empolgada: Eu já sou apaixonada pelo livro da Jojo Moyes, uma das melhores histórias que eu li na minha vida! O elenco está impecável, Sam Caflin e Emilia Clarke vão me emocionar. Tenho certeza que vai ser envolvente!

3 - Convergente - Série Divergente:


Lançamento: 17 de março de 2016

SinopsePrimeira parte da adaptação cinematográfica do livro "Convergente", de Veronica Roth, que é o desfecho da série Divergente. A sociedade baseada em facções, na qual Tris Pior (Shailene Woodley) acreditou um dia, desmoronou, destruída pela violência e por disputas de poder. Agora, Tris terá de lidar com novos desafios e se vê mais uma vez forçada a fazer escolhas que exigem coragem, fidelidade, sacrifício e amor.

Motivos para estar empolgada: Esse é um filme que pode ser um sucesso ou o desastre total da saga. Divergente já é famoso por não ser fiel aos livros, o que gera muita discussão. Felizmente, eu gosto bastante do rumo da série no cinema e estou animada para essa continuação!


4 - Batman x Superman - A Origem da Justiça:



Lançamento: 24 de março de 2016

SinopseApós os eventos de O Homem de Aço, Superman (Henry Cavill) divide a opinião da população mundial. Enquanto muitos contam com ele como herói e principal salvador, vários outros não concordam com sua permanência no planeta. Bruce Wayne (Ben Affleck) está do lado dos inimigos de Clark Kent e decide usar sua força de Batman para enfrentá-lo. Enquanto os dois brigam, porém, uma nova ameaça ganha força.



Motivos para estar empolgada: Primeiro: tem Ben Affleck. Segundo: ele é o Batman. Terceiro: eu sou team Batman. Quarto: tem Mulher Maravilha. Quinto: a Mulher Maravilha rouba o trailer quando aparece. Obrigada. De nada.



5 - Capitão América 3: Guerra Civil


Lançamento: 28 de abril de 2016

SinopseSteve Rogers (Chris Evans) é o atual líder dos Vingadores, super-grupo de heróis formado por Viúva Negra (Scarlett Johansson), Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), Visão (Paul Bettany), Falcão (Anthony Mackie) e Máquina de Combate (Don Cheadle). O ataque de Ultron fez com que os políticos buscassem algum meio de controlar os super-heróis, já que seus atos afetam toda a humanidade. Tal decisão coloca o Capitão América em rota de colisão com Tony Stark (Robert Downey Jr.), o Homem de Ferro.

Motivos para estar empolgada: Eu sempre amei o Capitão América e o Homem de Ferro, são os meus dois queridinhos, então dessa vez será um combate bem difícil. Estou ansiosa para ver mais sobre a Feiticeira Escarlate e o trailer já quebrou meu coração com a parte 'eu também era seu amigo'. Uma das grandes apostas da Marvel em um ano onde a DC parecia estar reinando.

6 - X Men - Apocalipse:

Lançamento: 26 de maio de 2016

Sinopse: O ancestral dos mutantes, En Sabah Nur, retorna com planos de mergulhar o mundo em um apocalipse para garantir a supremacia. Sequência de "X-Men: Dias de um Futuro Esquecido".

Motivos para estar empolgada: Simplesmente eu amo X-Men! Magneto e Mística são os meus favoritos e ainda escolheram a Jennifer Lawrence como a mutante azul, então não tinha como eu não estar ansiosa. O trailer é MUITO envolvente e eu já fiquei morrendo por dentro para querer ir ao cinema logo.



7 - Star Trek: Sem Fronteiras:


Lançamento: 21 de julho de 2016

SinopseApós sofrerem com a ira de John Harrison (Benedict Cumberbatch), Kirk (Chris Pine), Spock (Zachary Quinto), Uhura (Zoe Saldana), McCoy (Karl Urban), Sulu (John Cho), Chekov (Anton Yelchin) e Scotty (Simon Pegg) retornam à Enterprise para uma nova e difícil aventura intergaláctica.

Motivos para estar empolgada: Quem me fez ser apaixonada por Star Trek foi minha mãe e já estou até vendo que a empolgação dela com esse trailer. Certeza que será um dos filmes mais amados por nós duas esse ano!


8 - Esquadrão Suicida:

Lançamento: 04 de agosto de 2016

SinopseReuna um time dos super vilões mais perigosos já encarcerados, dê a eles o arsenal mais poderoso do qual o governo dispõe e os envie a uma missão para derrotar uma entidade enigmática e insuperável que a agente governamental Amanda Waller (Viola Davis) decidiu que só pode ser vencida por indivíduos desprezíveis e com nada a perder. No então, assim que o improvável time percebe que eles não foram escolhidos para vencerem, e sim para falharem inevitavelmente, será que o Esquadrão Suicida vai morrer tentando concluir a missão ou decidem que é cada um por si?



Motivos para estar empolgada: Estou mais ansiosa por esse filme do que para Batman x Superman. Motivo? Viola Davis e Jared Leto. Os dois arrasam e saber que o Jared está sendo o Coringa... ai meu coração! O trailer já quebrou as estruturas até mesmo pela Arlequina se destacar... minha aposta do ano? É Esquadrão Suicida!



9 - Animais Fantásticos e Onde Habitam:




Lançamento: 17 de novembro de 2016

SinopseBaseado no livro homônimo de J.K. Rowling. O excêntrico magizoologista Newt Scamander (Eddie Redmayne) chega à cidade de Nova York com sua maleta, um objeto mágico onde ele carrega uma coleção de fantásticos animais do mundo da magia que coletou durante as suas viagens. Em meio a comunidade bruxa norte-america que teme muito mais a exposição aos trouxas do que os ingleses, Newt precisará usar suas habilidades e conhecimentos para capturar uma variedade de criaturas que acabam saindo da sua maleta.

Motivos para estar empolgada: É o mundo mágico, bebê! Tem como não ficar empolgada ao ver esse trailer? J.K.Rowling de volta e... ACCIO TRAILER para vocês entenderem o que eu sinto...


Está bom ou quer mais? Pretendo trazer críticas de tooodos esses filmes no decorrer do ano, mas agora quero saber a opinião de vocês! Deixe seu comentário sobre qual o filme que mais te empolga para 2016! ;)

- Ale

sábado, 26 de dezembro de 2015

Melhores 2015

Feliz Ano Novo meus amores!


E como uma tradição, vou eleger os melhores de 2015. Os MEUS melhores do ano. São categorias, cada uma delas terá 3 indicados (ou mais, no caso de livros, rs)... ficaria muito feliz se você deixasse o melhor do seu ano nos comentários para podermos conversar... seria bem divertido! Vamos a primeira categoria?

Filme do Ano

Os três filmes selecionados fizeram muito sucesso (só não coloquei Star Wars, porque eu não o assisti, rs). Mas eu não poderia escolher outro, afinal "Jogos Vorazes - A Esperança - O Final" me emocionou bastante. Tenho a crítica de todos aqui no blog:


- Homem Formiga: AQUI!
- Jurrasic World:  AQUI!
- A Esperança - O Final: AQUI! 





Ator do Ano - Cinema


Cada um com um tipo de personagem, Josh Hutcherson se destacou em "A Esperança - O Final" com um Peeta telesequestrado e totalmente perdido; J.K.Simmons e sua famosa frase "Not quite my tempo" de "Whiplash" me agradaram muito, mas o melhor mesmo foi Eddie Redmayne por seu papel impecável em "A Teoria de Tudo". Alguns desses atores podem ser considerados 2014, porém com eu assisti aos filmes em 2015 e eles foram indicados ao Oscar 2015, não podia deixá-los de fora.




Atriz do Ano - Cinema



Jennifer Lawrence e Shailene Woddley novamente disputando essa categoria, até porque, os papéis de ambas são bem parecidos: heroínas fortes em uma distopia de sucesso. Porém, ainda acho que a maestria de JLaw me emociona mais. Já Julianne Moore está aqui, não por Alma Coin e sim por "Para Sempre Alice" que é um filme emocionante, que te faz refletir e que me deixou MUITO abalada.




Série do Ano



Uma categoria que mudou diversas vezes os selecionados, mas não tinha como não dar o prêmio para "Orphan Black". Em 2015, assisti as 3 temporadas disponíveis em um suspiro e não vejo a hora de Abril/2016 chegar para ver os episódios novos. O vício de 2015 foi sem dúvida "Orphan Black". Já "Sense8" demorou para me agradar, mas quando agradou, não conseguia parar de jeito nenhum, só não ganhou primeiro lugar pelo início devagar. Já "Jessica Jones" veio agora no final de novembro para fechar com chave de ouro. Tem crítica das 3 no blog:
- Sense8: AQUI!
- Orphan Black: AQUI!
- Jessica Jones: AQUI!



Ator do Ano - Série


Eu já escrevi aqui no blog sobre The Kinick e enquanto pensava nessa categoria, não achei justo deixar Clive Owen de fora. Já Peter Dinklage de Game Of Thrones, sempre presente na minha lista, né? Mas esse ano ele não ganhou! Eu tive que escolher meu vilão queridinho do momento: Kilgrave... ops... David Tennant que fez a série "Jessica Jones"!




Atriz do Ano - Série


Se você já assistiu pelo menos o piloto de Orphan Black, sabe que Tatiana Maslany merece todos os prêmios do mundo, não é verdade? Já as outras duas selecionadas são da mesma série: Game of Thrones. Lena Headey deu um show de atuação na season finale da quinta temporada como a Rainha Cersei e Maisie Williams como Aria vem ganhando destaque a cada temporada, achei que estava na hora da atriz ganhar o merecido reconhecimento.





Casal do Ano - Série



Essa categoria é meio decepcionante por não ter Oliver e Felicity como vencedores, mas eu realmente achava que o casal da série Arrow podia ser melhor. Já o outro casal selecionado é Alex e Ryan de Quântico, a série ainda está no início, mas eu já os amo juntos <3. Porém, os vencedores... ah, os vencedores são: Will e Riley!!! Só quem assistiu a season finale da primeira temporada de Sense8 sabe o porquê eles merecem esse primeiro lugar e distante dos outros selecionados.





Autoras Destaque 2015



Bianca Briones, Carina Rissi e Colleen Hoover foram os meus destaques e não posso escolher uma como a melhor. Cada uma teve seu momento e uma forma de me emocionar em 2015!

Livros Destaque 2015



Quer que eu explique essa categoria? É só ler minhas resenhas:


- A Escolha Perfeita do Coração (Bianca Briones): AQUI!
- Por Lugares Incríveis (Jennifer Niven):  AQUI!
- Maybe Someday (Colleen Hoover): AQUI!
- No Mundo da Luna (Carina Rissi): AQUI!


Melhor Música 2015




Esse foi o melhor do meu ano. O que acharam? Deixem nos comentários os melhores do seu 2015! 

E O "ESTANTE DA ALE" DEIXA AQUI UM FELIZ ANO NOVO, QUE 2016 SEJA REPLETO DE REALIZAÇÕES, ENERGIA POSITIVA E BENÇÃOS! ESTAREMOS JUNTOS NO PRÓXIMO ANO TRAZENDO NOVIDADES!

- Ale

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Texto: E o meu milagre?

Olá pessoas!

Hoje o post é mais que especial para mim. Um texto que eu fiz para expressar o quanto o Natal é encantador. Eu sou daquelas que ama o vermelho, verde e dourado da data. Que enfeita a casa, adora abraçar e espalhar sentimentos bons por aí... Natal realmente é uma data mágica! 

Espero que vocês gostem do meu conto e sintam-se abraçados. Feliz Natal!


"Ter fé nunca foi um problema para mim. Eu nunca precisei de algo material para crer, muito pelo contrário, o amor e serenidade sempre preencheram meu coração de uma forma única. Quando descobri a doença de meu pai, meu mundo caiu sim, não nego que questionei a existência de Deus por uns dois segundos, mas logo a dúvida passou e novamente a esperança voltou a dominar meus pensamentos.

Passamos em diversos médicos para termos outras opiniões, mas a doença já estava em um estágio avançado. Hoje, 24 de dezembro, trouxe meu pai para a internação final. Os médicos já o desenganaram, não havia o que fazer e era só uma questão de tempo. 

Quando finalmente me deixaram entrar no quarto em que ele se encontrava, eu fraquejei. Minhas pernas não me obedeciam, as lágrimas escorriam pelo meu rosto e eu precisava de ar puro. Saí dali correndo, como se minha vida, ou a vida de meu pai, dependessem daquilo.

Parei quando cheguei ao estacionamento. Sentei no muro de concreto e chorei. Cada lágrima era arrancada do meu coração, parecia que aquela dor não iria acabar nunca. Fechei meus olhos fortemente e os soluços diminuíram. Comecei a respirar fundo e me acalmar. Uma paz inundou meu peito e eu abri os olhos devagar.

Havia uma senhora sentada ao meu lado. Vestida de branco, parecia uma enfermeira e com os olhos azuis como o céu em um dia de verão, ela pegou minha mão e sussurrou:

- Ore comigo.

Eu apertei suas mãos e novamente fechei os olhos. Comecei a repetir as palavras da desconhecida. No decorrer da oração, eu comecei a me arrepiar e sentir como se uma mão pousasse bem no topo da minha cabeça. Comecei a orar com mais força e vontade. 

Após alguns minutos em silêncio, abri os olhos e a primeira coisa que vi foi um enfeite de anjo, aqueles que colocamos em árvores de Natal em meu colo. A senhora tinha desaparecido sem ao menos se despedir, mas em pensamento eu a agradeci por renovar minha fé naquele momento difícil.  Levantei e caminhei de volta ao hospital. Precisava ficar com meu pai.

Quando entrei no quarto, o encontrei dormindo, estava bem abatido, olheiras escuras e fundas. Percebi que já tinha passado da meia noite e eu nem tinha lhe desejado 'Feliz Natal'. Dei um beijo em sua testa como um presente e ele despertou.

- Desculpe pai, não quis lhe acordar. Durma, descanse.

- Está tudo bem, querida! Feliz Natal, que os anjos iluminem teu caminho sempre - um doce sorriso nasceu em seus lábios quase sem cor. Era meu presente. Aquele sorriso era meu presente, não precisava de mais nada para ser feliz.

- Feliz Natal papai! Eu o amo muito. Olha o que uma enfermeira me deu! - Mostrei a ele o enfeite de anjo e o coloquei preso na cabeceira da cama. 

- É lindo, filha. Esse anjo vai nos proteger!

Nesse instante, ele adormece. Como se o enfeite na cabeceira fosse um sonífero. Fiquei velando seu sono até não aguentar mais. Dormi na cadeira mesmo, com suas mãos entrelaçadas as minhas. 

O dia amanheceu e eu não percebi. Acordei com um médico pedindo licença para retirar meu pai do quarto, ele faria outros exames agora de manhã. Levantei e dei espaço a enfermeiros. Aproveitei o tempo para ir a lanchonete comer alguma coisa, conferi mensagens no celular e respondi algumas. Quase 3 horas depois, meu pai volta ao quarto bem mais animado. O médico pede para conversar comigo em particular e eu vou depressa.

- Senhorita, eu... não sei como explicar... pode até ser um milagre, mas a doença de seu pai retrocedeu cerca de 30% desde o último exame que fizemos... Acreditamos que se esse estágio permanecer assim, possamos operá-lo... não estou dizendo que será fácil, mas ele tem sim uma chance... claro, se a senhorita aceitar a operação.

E era exatamente aquilo que eu precisava. Mais uma chance. Há esperança. Nem sempre o milagre que você tanto pede é uma cura ou a solução de nossos problemas, às vezes só precisamos saber olhar a situação, ver a oportunidade que Deus nos dá, lutar e acreditar que aquilo é sim possível. 

- Faça tudo o que for possível pelo meu pai, doutor."


Feliz Natal, meus amores! Que a esperança e fé se renovem nessa data especial!

- Ale

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Série: Penny Dreadful

Olá amores!

A série de hoje é beeeem diferente do que eu estou acostumada a ver e trazer para vocês, chama-se Penny Dreadful, alguém conhece? 


Uma série de terror que interliga histórias famosas como Frankenstein, Drácula e Dorian Gray. Contada na época de Londres vitoriana, o foco maior é em Vanessa Ives (Eva Green) uma sensitiva que busca vencer o mal e ajudar o Sr. Timothy Dalton a encontrar a filha sequestrada pelo sobrenatural (sem spoilers, rs).

O que me fez assistir, foi uma amiga que não parava de falar nessa história, dia e noite, noite e dia. Quando por uma conspiração do destino a série entrou no catálogo do Netflix. A primeira temporada é composta por 8 episódios, a segunda já acabou nos EUA e a terceira está programada para 2016.

É uma série que realmente me arrepia, atuações excelentes (Eva Green dá um show!), produção muito cuidadosa, posso até dizer impecável. História é muito bem construída, diálogos bem estruturados. Como eu disse logo de início, não é algo que eu tenha costume de ver, mas a trama é muito interessante. Fiquei curiosa com o rumo da série após finalizar essa primeira temporada, foi explicado exatamente o que eu queria saber e me deixou curiosa para uma continuação.

E como há grande influência da literatura clássica, eu fico diversas vezes procurando detalhes que me remetam a personagens conhecidos ou a histórias originais. Gosto também da visão "realista" que a série traz sobre sobrenatural, quer um exemplo? O vampirismo é sim com sangue e maldades, nada do vampiro que ama um humano e quer se alimentar de animais... Dá MUITO medo! (Ou eu que sou medrosa demais... mas dá medo sim, rs).


Ao todo, é uma série que realmente me deixa intrigada (e encantada pelos figurinos, se você gosta de histórias antigas vai se apaixonar como eu). Com o final dessa primeira temporada, consegui entender toda a base dos personagens e estou preparada para mais. Netflix, pode colocar a segunda temporada para eu fazer maratona!  

Vale ressaltar uma curiosidade: Penny Dreadfull significa antigas publicações de terror e ficção que eram vendidas na Inglaterra do século XIX e custavam centavos! 

Já conhecia essa série? Gosta? Me conta!

- Ale

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Trilha Sonora: The Vampire Diaries

Olá amores!

O post de trilha sonora está de volta e dessa vez com The Vampire Diaries!  A série já tem 6 temporadas completas e a sétima está sendo exibida. Altos e baixos marcam essa história, mas com personagens cativantes, eu não consigo parar de assistir... ou melhor dizendo: enquanto Damon Salvatore estiver vivo, eu não largo por nada! <3 Vamos as músicas que selecionei?


The Fray - Never Say Never (Temporada 1 - Episódio 1):



Ryan Star - Losing Your Memory (Temporada 2 - Episódio 13):



Ed Sheeran - Gime Me Love (Temporada 3 - Episódio 14):


Bon Jovi - You Give Love a Bad Name (Temporada 4 - Episódio 23):



Christina Grimmie - With Love (Temporada 5 - Episódio 07):


Damien Rice- Long Long Way (Temporada 6 - Episódio 14 e 22):



Tentei selecionar uma música por temporada, mas foi uma seleção bem difícil, afinal, na minha opinião, é a série que assisto que possui a melhor trilha sonora! Espero que vocês gostem e caso lembrem de alguma música que marcou, deixe no seu comentário para eu ouvir de novo!

- Ale