sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Resenha: Meu Inverno na Zerolândia

Oi Pessoas,

Hoje a resenha é do primeiro livro publicado da italiana Paola Predicatori, “Meu Inverno na Zerolândia”. A Editora Suma de Letras nos deu a oportunidade de vivenciar a dor da personagem Alessandra.

Alessandra. Imagina a minha empolgação quando eu finalmente encontrei um livro cuja protagonista tem o meu nome? Eu fiquei doooooooooooida pra ler!

Então, vamos a sinopse. Alessandra acabou de perder a mãe que tinha câncer e a difícil adaptação é a temática do livro. Ela não consegue ver o mundo da mesma forma que via antes. Tudo parece fútil e sem graça na nova visão da vida, então Alessandra decide trocar de lugar durante as aulas da escola.

No fundo da sala, Zero... quer dizer, Gabriel, um garoto esquisito e desinteressado sempre se senta isolado de tudo e todos já que sofre bullying por ser diferente. E a partir do momento que Alessandra se senta ao lado dele, ela se torna “Zeta” para os colegas.

O livro aborda não apenas a aproximação de Alessandra e Gabriel (o que se torna um relacionamento intrigante e nada convencional), mas a leitura intercala capítulos dedicados a mãe que faleceu a alguns meses atrás e são esses capítulos que merecem mais destaque. Emoção, dor, lágrimas. Você sente a dor e a falta que a mãe faz para Alessandra.

Gostei bastante da dinâmica do livro. Até o final foi exatamente o que esperava. Simples, emocionante e marcante.

- Ale

Sensação Após o Término: Envolvente e intrigante!

Avaliação do Livro: ♥ ♥ ♥ ♥

Meu Inverno na Zerolândia
Autora: Paola Predicatori
Editora: Suma de Letras
Média de Preço: R$19,90

Quantidade de Páginas: 182

sábado, 18 de outubro de 2014

Série: Reign

Oi gente linda!
E eu ganhei um novo vício! Hoje a dica é da série "Reign" produzida pelo canal The CW cujos criadores são Laurie McCarthy (Ghost Whisperer) e Stephanie SenGupta(Law & Order: CI). Sendo um drama de época, a história da jovem Rainha Mary (Escócia) que desde pequena tornou-se noiva do Príncipe Francis (França) para garantir uma aliança ao seu país.

Após chegar a maturidade, Mary sai do monastério onde cresceu (ela precisava ser protegida a todo custo, pois vivia em constante ameaça dos ingleses) para cumprir sua missão na França, porém ela não esperava que Francis estaria disposto a desonrar a palavra do pai, Rei Henry, se isso significasse o melhor para a França.

Mary sofre e é preciso enfrentar várias outras ameaças que a querem morta. Uma das mais presentes na história é a oposição da Rainha Catherine (França), que após uma visão do profeta Nostradamos, acredita que  o casamento com Mary levará seu filho Francis a morte.

Mais um personagem interessante nessa história é o Sebastian. Filho bastardo do Rei Henry e que se apaixona por Mary. O triângulo amoroso surge e você não sabe para quem torce mais. Fracis ou Bash.

Uma série histórica e envolvente. Temas como heresia, alianças, amor e dever são abordados de forma muito bonita. As paisagens e cenários, além do figurino são divinos!


Personagem Favorito: Rainha Mary e as amigas inseparáveis;

Status: Em exibição na sua Segunda Temporada;

Há rumores que a MTV já comprou a série e pretende passar aqui no Brasil em breve. Porém ainda não possui data. Qualquer informação que eu tiver, aviso vocês!

E alguém aí já assistiu? Gostou da dica? Deixe seu comentário!

- Ale

domingo, 12 de outubro de 2014

Resenha: A Última Carta de Amor

Oi Pessoas,

Para quem me conhece, sabe que eu amo a escrita de Jojo Moyes e que ela tem o poder de me emocionar. Acabei de ler a pouco tempo o livro: “A Última Carta de Amor” também publicada pela Editora Intrínseca.

O livro aborda um tema difícil para mim: traição. Foi muito difícil no início já que tive problemas familiares com esse tema e ver casais sendo infiéis, é complicado para mim. Sou totalmente contra o que esse livro aborda de forma muito aberta.

Há dois casais no livro, quero dizer, duas relações extraconjugais sendo o foco do livro. Claro, sempre há uma justificativa e para mim, não foi difícil passar a odiar o marido da Jennifer. Jennifer é uma das esposas infiéis. Ela possui uma complicada relação com um tal de B., porém há um grande problema, ela não se lembra dele. Após um acidente, Jenny perde a memória e só encontra as cartas de amor proibido.

Quarenta anos depois, Ellie (ela tem um caso com um homem casado) encontra as cartas de Jenny e B. e tenta reunir o casal. Com isso, ela consegue até mesmo encontrar respostas para seu caso de amor.

Não preciso nem dizer que Jojo me emocionou de novo, né? O final foi muito bonito e por mais que o tema seja complicado para mim e a leitura meio complicada, eu gostei.

E aproveitando o post: vocês já viram que “Como Eu Era Antes de Você” vai virar filme? Os escolhidos para viverem Louisa e Will foram Emilia Clarke e Sam Claflin. Preciso dizer que sou apaixonada pelo Sam? E Emilia arrasa!!!!! O filme está com previsão de lançamento para 21 de agosto de 2015 nos EUA. Se eu tiver mais informações, trago pra vocês!

- Ale

Sensação Após o Término: Emocionante!


Avaliação do Livro: ♥ ♥ ♥

A Última Carta de Amor
Autora: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Média de Preço: R$29,90



sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Resenha: Princesa Adormecida

Oooi pessoas lindas!

Hoje a dica é NACIONAL de novo! Para quem não conhece, Paula Pimenta, uma das minhas autoras preferidas, escreveu “Princesa Adormecida” (publicada pela Editora Galera Record), este livro faz parte de uma coleção que ela irá lançar contando versões atualizadas de 5 princesas Disney! (É um projeto que dá continuidade ao “Livro das Princesas”, que ela escreveu junto com Meg Cabot, Lauren Kate e Patrícia Barbosa em 2013).


Este é o primeiro volume, que conta a história de Àurea, uma princesa que após ser sequestrada e vítima de ameaças de morte foi obrigada a crescer longe dos pais e avós, sem saber sobre sua origem ou ter qualquer ligação com sua verdadeira identidade. Ela só estaria a salvo, depois de completar 18 anos. Enquanto isso, os tios a superprotegiam e a vigiavam sem parar. Mas se você é adolescente, sabe que sempre há uma maneira de escapar. E é isso que Ana Rosa, como era chamada no Brasil (com sua nova identidade), faz. Ela vai para balada! HAHAHA

Não quero dar spoilers, apenas vou dizer, que mensagens de um estranho garoto começam a chegar no dia seguinte e a história da Bela Adormecida se concretiza.

Um livro leve e divertido. Li em dois dias suspirando e deixando o doce amor dos personagens me levar de volta a adolescência. Um livro infanto-juvenil, não espere histórias complexas, mas é exatamente aquele livro que te faz acreditar que o ‘para sempre’ e o amor da sua vida existem!

Como eu sou manteiga derretida, quando Àurea lê cartas de sua mãe, eu chorei! Assim, eu twittei para Paula Pimenta, autora do livro e não é que ela me respondeu?
 
Ela é incrível! Sempre atenciosa e amorosa com os fãs!

Super recomendo para quem gosta de romances!

E você já leu? Gosta da Paula? Deixe seu comentário!

- Ale

Sensação Após o Término: Romance que dá esperança!

Avaliação do Livro: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ 

Princesa Adormecida
Autora: Paula Pimenta
Editora: Galera Record
Média de Preço: R$20,00

Quantidade de Páginas: 189

domingo, 5 de outubro de 2014

Resenha: As Batidas Perdidas do Coração

Oiiii pessoas lindas!

Hoje, a resenha é um pouco difícil para mim, pois estou numa fase muito complicada de Depressão Pós Livro. Mas não é qualquer depressão, é daquelas profundas que parece que nunca mais vou encontrar um livro que me envolva tanto quanto “As Batidas Perdidas do Coração” da Bianca Briones, publicado pela Editora Verus.

A história de amor de Viviane, uma garota da alta sociedade de São Paulo, com Rafael, um bad boy cheeeeeeio de problemas, é contada de forma envolvente e que te prende a partir da primeira página. Eu não vou dar spoiler para vocês, porque realmente quero que vocês fiquem de boca aberta como eu fiquei. Mas não pensem que a diferença na classe social é o maior dos problemas que eles podem ter. Além dor da perda os aproxima e faz crescer um lindo e emocionante sentimento.

O que posso contar para vocês é que não é mais um ‘romance’ que eu li, ele realmente me abalou. Eu ri. Eu chorei. Eu amei. Eu odiei. Eu me apaixonei. Eu quebrei preconceitos. É realmente uma obra completa.

Bom, para aqueles que seguem meu blog, já sabem que perdi meu pai a alguns anos atrás e a personagem, Viviane, está passando por esse processo de ‘reerguimento’. Foi impossível não me sentir como ela, ser solidária. Logo nas primeiras páginas Vivi relata que seu pai dizia sempre: tudo acaba bem, se não está bem, é porque não acabou’. E esta foi exatamente a frase que meu pai me deixou quando foi embora.

Outro ponto que não posso esquecer é que a presença das músicas torna a leitura tão incrível! Cada início de capítulo (que se intercala com narrativas de Viviane e Rafael) é iniciado com um trecho musical. Esse trecho se encaixa perfeitamente na história e você passa a amar ainda mais as músicas!

Bianca Briones, para mim, foi uma grande surpresa, pois, não estou acostumada a ler muitos livros nacionais. Ok. Admito. Só li alguns clássicos e Paula Pimenta. Mas nunca fui muito aberta aos autores daqui e eu realmente senti que estava perdendo grandes obras! Eu posso dizer com todo o meu coração: é um dos melhores livros que eu já li!

“As Batidas Perdidas do Coração” merecem todo o destaque do mundo, é um livro encantador, cheio de ensinamentos, emoções, surpresas e o que mais me encanta no mundo: amor.”

- Ale

Sensação Após o Término do Livro: Depressão Pós Livro! Favorito!

Avaliação do Livro: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

As Batidas Perdidas do Coração
Autora: Bianca Briones
Editora: Verus
Média de Preço: R$35,00

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

TAG: Redes Sociais


    Oi Pessoas!

    Desculpas pelo sumiço, eu fiquei alguns dias sem internet, mas voltei!
  
   Essa TAG foi a Carol do blog A Colecionadora de Histórias que me indicou e eu AMEI! Principalmente       nessa semana que foi o 'adeus' do Orkut!

TAG: Redes Sociais

    1. Twitter: um livro que você gostaria de compartilhar com todo mundo: A Mediadora


Sinopse: Suzannah é uma adolescente aparentemente comum que tem um problema com construções antigas. Não é para menos. Afinal, muitas dessas casas velhas são assombradas. E Suzannah é uma mediadora, uma pessoa capaz de ver e falar com fantasmas para ajudá-los a descansar em paz. É claro que esse dom lhe traz muitos problemas. Mas nem ela poderia saber da gravidade do que encontraria ao mudar-se para a Califórnia. Além de ir morar numa casa assombrada por um fantasma jovem, bondoso e bonitão, sua escola sofre com a presença maligna de uma adolescente que se matou ao ser desprezada pelo namorado e que agora busca vingança. Meg Cabot, autora da série "O Diário da Princesa", está de volta ao universo jovem com um livro antológico, que mistura ação, mistério e suspense sobrenatural aos problemas terríveis que atingem todos os adolescentes.

Opinião: É uma série, então a história e personagens são construídos aos poucos. Mas quando cheguei ao último livro desta coleção, chamado “Crepúsculo” (não, nada de ligação com Stephanie Meyer, por favor), eu disse: valeu a pena! Adoro a Meg Cabot e é uma leitura super divertida e rápida.

     2. Facebook: Um livro que você tenha gostado, mas foi indicado por outra pessoa: Morte e Vida de Charlie St.Cloud

Sinopse: O livro conta a história de um jovem que sobrevive a um terrível acidente de carro, em que o seu irmão mais novo morre. Anos mais tarde, o laço entre os irmãos permanece tão forte que transcende os limites normais entre a vida e a morte. Charlie St. Cloud vive em uma confortável vila da Nova Inglaterra. Todos os dias, ele cuida da grama e dos monumentos do antigo cemitério onde seu irmão mais novo, Sam, está enterrado. Agraciado com um dom extraordinário, após sobreviver ao acidente, ele ainda pode ver, falar e até mesmo jogar com espírito de Sam. É quando conhece a jovem Tess e, o amor o deixa dividido, ao aproximar-se de Tess significa que ele estará deixando seu irmão para sempre?

Opinião: Uma amiga minha, Carmen, me emprestou o livro, então nem tenho ele em minha coleção. Porém, é um livro envolvente e emocionante. Gostei bastante! Acredito que não apenas na capa, como no tipo de enredo, Ben Sherwood tenha inspirações em Nicholas Sparks, mas na minha humilde opinião, vale a leitura!

    3.  Tumblr: Um livro que você tenha lido antes de ter o blog e ainda não falou sobre ele: A Sombra do Vento

Sinopse: "A Sombra do Vento" é uma narrativa de ritmo eletrizante, escrita em uma prosa ora poética, ora irônica. Ambientado na Barcelona franquista da primeira metade do século XX, entre os últimos raios de luz do modernismo e as trevas do pós-guerra, o romance de Zafón é uma obra sedutora, comovente e impossível de largar. Além de ser uma grandiosa homenagem ao poder místico dos livros, é um verdadeiro triunfo da arte de contar histórias.
Tudo começa em Barcelona, em 1945. Daniel Sempere está completando 11 anos. Ao ver o filho triste por não conseguir mais se lembrar do rosto da mãe já morta, seu pai lhe dá um presente inesquecível: em uma madrugada fantasmagórica, leva-o a um misterioso lugar no coração do centro histórico da cidade, o Cemitério dos Livros Esquecidos. O lugar, conhecido de poucos barceloneses, é uma biblioteca secreta e labiríntica que funciona como depósito para obras abandonadas pelo mundo, à espera de que alguém as descubra. É lá que Daniel encontra um exemplar de "A Sombra do Vento", do também barcelonês Julián Carax. O livro desperta no jovem e sensível Daniel um enorme fascínio por aquele autor desconhecido e sua obra, que ele descobre ser vasta. Obcecado, Daniel começa então uma busca pelos outros livros de Carax e, para sua surpresa, descobre que alguém vem queimando sistematicamente todos os exemplares de todos os livros que o autor já escreveu. Na verdade, o exemplar que Daniel tem em mãos pode ser o último existente. E ele logo irá entender que, se não descobrir a verdade sobre Julián Carax, ele e aqueles que ama poderão ter um destino terrível. 

Opinião: Eu não tenho uma opinião formada sobre o livro, para ser sincera. Por isso, não escrevi nada sobre ele ainda. É uma história muito boa, realmente, mas não sei se faz meu estilo. Demorei um pouco na leitura e estou pensando em reler para tentar formar uma opinião mais clara sobre o livro.

     4.  My Space:  Um livro que você não tem a intenção de reler: Cidades de Papel

Sinopse: Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.

Opinião: Um livro de John Green que é para ler uma vez e ponto. Não achei uma leitura extraordinária e que mexeu comigo. Rico em metáforas e já tem resenha no blog para quem se interessar!
   
      5.  Instagram: Um livro com uma capa bonita: A Rosa do Inverno

Sinopse: "A Rosa do Inverno" é um romance leve, com boa dose de romantismo, forte aroma de sensualidade e uma pitada de suspense. Fala de paixão arrebatadora e indevida, de destino e escolha. Mas, sobretudo, é uma história que acende o debate sobre a condição feminina, o papel, os desejos, os temores da mulher. Ao confrontar o instinto de se entregar a um homem e a decisão de manter a independência, a Patricia Cabot faz do livro um espelho dos dilemas femininos.

Opinião: Patrícia/Meg Cabot sempre arrasando na escrita. Este romance histórico é um dos meus preferidos e recomendo a todos que gostam do gênero. Muito bonito e envolvente!

     6.  Youtube: Um livro que você queria adaptação para o cinema: A Seleção

Sinopse: Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes. Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Opinião: Não tenho como não colocar A Seleção aqui. Kiera Cass é incrível e para quem se interessar, já tem resenha no blog!

    7. Skype: Um livro que tem personagens que você gostaria de conversar: Pretty Little Liars - Maldosas

Sinopse: Pretty Little Liars fala sobre a vida de quatro garotas — Spencer, Hanna, Aria e Emily — que acabam se “separando” depois do sumiço de sua líder, Alison. Três anos depois, elas começam a receber mensagens de texto e alguém que está assinando como “A” e ameaça a expor seus segredos — incluindo os mais secretos que elas achavam que somente Alison sabia.

Opinião: Vou dizer que não sou fã dessa série de livros, mas eu realmente gostaria de conversar com os personagens para obter respostas. Quem conhece a série deve concordar comigo. E assiste a série que é melhor ;)

TAG: Orkut Literário

1 - Um personagem 100% sexy:
Rafael – “As Batidas Perdidas do Coração” (Bianca Briones);

2 - Um personagem 100% divertido:
Heather Weels – Série “Tamanho 42 Não é Gorda” (Meg Cabot);

3 - Um personagem  100% confiável:
Hermione Granger – “Harry Potter” (J.K.Rowling);

4 - Um personagem pra ser fã:
Auggie – “Extraordinário” (R. J. Palacio);

5 - Um personagem pra quem eu mandaria um depoimento fofo:
Peeta – “Jogos Vorazes” (Suzanne Collins);

6 - Um personagem pra bloquear:
Jeanine – “Divergente” (Veronica Roth);

7 - Um personagem pra add sem scrap:
John – “Abandono” (Meg Cabot);

8 - Um personagem que "mal conheço, mas já considero pakas":
Lucas – “As Batidas Perdidas do Coração” (Bianca Briones);


E vocês? O que acharam das minhas escolhas? Faça também!

Indico: Milena – Álbum de Leitura
           Laís – Tear de Informações
           Brenda – Cereja Mutante

- Ale