terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Resenha: Em Suas Mãos

Olá amores!

Vamos para mais #SemanaEmSuasMãos? Hoje é dia de resenha aqui no 'Estante da Ale' e já adianto que é daqueles livros que emocionam e valem ser lidos em uma tarde véspera de Natal, viu? Então corre que  "Em Suas Mãos" já está disponível na Amazon e por um preço super especial... O Papai Noel caprichou esse ano... ;)


A história da vez é sobre Luíza, uma advogada que criou barreiras em seu coração para não se decepcionar, mas ela é a prova viva de que quando algo tem que acontecer, vai acontecer. André é um paisagista que surge em sua vida de supetão e se mostra o tipo de pessoa certa, ele é correto, altruísta e a ligação entre ambos é inevitável... É impossível ignorar os sentimentos, só precisamos saber se Luíza estará disposta a abrir mão da segurança de uma vida solitária para viver um amor cheio de incertezas.

Ambos os personagens tem traumas do passado, mas a forma como cada um lida com essas adversidades é bem diferente. Isso enriqueceu muito a leitura, pois conseguimos perceber as diferenças e fragilidades do ser humano. Tudo é claro, detalhado na medida certa e extremamente viciante. As personalidades são desenhadas com maestria, um exemplo é a Luíza não querer se apaixonar, mas isso não a torna fria e rígida. Muito pelo contrário, ela é um amor de pessoa, aquele tipo que você quer ter ao seu lado como melhor amiga. Ela ajuda os mais necessitados e diversas vezes, a vemos preocupada com o próximo, principalmente quando ela uma injustiça está sendo cometida. 



Uma leitura tão simples e gostosa, eu terminei de ler em um dia e sinto saudade daqueles personagens que me cativaram tão rapidamente. Novamente, temos uma história da Bianca que encanta nossos corações. Que mexe com nossos sentimentos e crenças. Por mais que seja ficção, o enredo me passa tanta verdade que eu fico impressionada com as minhas reações durante a leitura. É muito intenso, cada diálogo ou cada cena vem de encontro ao leitor como se estivéssemos presentes enquanto tudo acontece. Uma passagem no hospital especificamente acabou comigo! Só de pensar fico emocionada... Ainda mais no Natal.


"Às vezes, tudo o que você precisa fazer é acreditar"


Acho que esse é outro ponto que me deixou envolvida, a época já é mágica e ao conhecermos uma história em que  'acreditar' é o principal fator para as coisas darem certo, fiquei apaixonada! Mas claro temos algumas cenas em que o riso rola solto, afinal, podemos dizer que nosso querido André é um pouco estabanado e a presença ilustre de Branca Albuquerque não poderia passar despercebida. Além disso, temas como feminismo, preconceito com a mulher e justiça são alguns dos assuntos em que Luíza traz para discutirmos.


Importante dizer que o livro se passa no mesmo universo de Batidas Perdidas, porém não tem nenhum spoiler, caso você não tenha lido e não saiba por exemplo, com quem a Branca ficou, não precisa se preocupar. Leia separadamente que vai funcionar! A autora tomou todo o cuidado para não dar informações demais sobre os demais personagens, mas posso adiantar que eles vão te cativar. (Eu estava com tanta saudade do Rafa <3).

Outro ponto incrível, na minha opinião, é a questão da maturidade dos personagens. Todos são adultos, trabalham, tem responsabilidades. Ficou muito mais fácil me identificar com eles. Aliás, vocês já sabem em quem a Bianca se inspirou para fazer esse casal lindo? Kerry Washington e Simon Baker!



E novamente eu fico aqui falando sem parar. A resenha ficou grandinha e eu sinto que não consegui nem falar a metade dos fatores que me levaram a colocar um coração de favorito no skoob... Vale muuuuito a pena, juro para vocês! 

Preparem uma xícara de chocolate quente com biscoitos e pegue "Em Suas Mãos" para ler! Essa história irá tocar seu coração e te fará acreditar. Simples assim. <3 Corram para a Amazon!

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (5/5) - Favorito!

- Alessandra Salvia

26 comentários:

  1. Oi, Ale!
    Se antes eu queria ler esse livro, agora que fiquei sabendo que se passa no mesmo universo de Batidas Perdidas eu necessito dessa leitura pra ontem!
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário
    Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias
    Participe do Sorteio de Final de Ano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai adorar, Batidas Perdidas crescendo! ;)

      Excluir
  2. Oie
    Eu li somente um livro da autora, mas preciso ler outras coisas. Gostei da dica e fiquei curiosa.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa que bacana, não conhecia esse livro, mas parece ser muito bom.
    http://souadultaagora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Gostei da resenha. É dificil encontrar personagens maduros nos romances.
    Tenho ouvido falar bastante da Bianca.

    Blog.
    Facebook.

    ResponderExcluir
  5. Oi Ale, tudo bem?
    Não tinha conhecimento da obra assim como também não conhecia a autora. Achei interessante as colocações que você fez sobre o livro e me despertou o interesse para leitura. Percebi que os personagens são bem desenvolvidos, com características fortes e individuais, acho isso super importante em uma história!

    Bjss
    www.estupefaca.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mais que um romance, sabe Filipe? A história é forte. ;)

      Excluir
  6. Oi
    que bom que gostou da leitura, eu vi a divulgação dele no facebook, até hoje só li um livro da autora, mas gostei da escrita dela, a história desse parece ser boa.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, aproveite que já conhece a autora e leia esse também Denise.

      Excluir
  7. Me identifiquei com a Luíza hahahaha, sou super cuidadosa em relação a relacionamentos também.
    Que legal que ela compartilhou em quais atores ela se inspirou! Fica mais fácil visualizar na leitura.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  8. É tão bom qd lemos um livro que gostamos tanto. Eu nunca tinha ouvido falar desse, mas se eu tiver a oportunidade vou ler, bjus!

    bomhumornaosaidemoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É lançamento, estamos divulgando agora Rebeca!

      Excluir
  9. Awn Ale, adorei tudo o q vc falou sobre o livro, cheio de ingredientes que gosto! *-*
    Não conhecia esse casal, é de alguma série? Adorei a inspiração! E as frases que vc colocou tbm, vai pra listinha com certeza!
    Mas e aí, superou "As batidas perdidas"? haha
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, meu Batidas Perdidas é único <3 HAHAHHA

      Excluir
  10. Fiquei super interessada pela leitura, ainda não conhecia,
    mas o jeito que você falou, ativou minha curiosidade

    Um bj ;)
    Layouts para blog
    Pepi Artes Digitais

    ResponderExcluir
  11. Olá Ale, tudo bem?
    Não conhecia a autora, mas amei a resenha!
    Amo livros assim que podemos ler em um dia e já está na minha lista.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Ale!
    Nossa, essa história me lembrou muito um filme que assisti há alguns anos, chamado "Uma Coisa Nova" - e que, inclusive, tem o Simon Baker como protagonista. Já assistiu?
    Enfim, a história do filme é linda, assim como esse livro parece ser. É aquele tipo de história que parece aquecer o mais gelado dos corações, hehe. Ainda não conhecia a autora, mas vou dar uma pesquisa.

    Beijos e boas festas!

    Leilah Nogueira
    https://confissoesdeumleitor.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Ale! Parece mesmo ser uma leitura bem agradável. Você destacou um ponto importante: a idade e a vida dos personagens. A grande maioria dos lançamentos de hoje em dia traz personagens muito novinhos, ainda na escola, esse tipo de coisa. E, apesar de adorar livros YA, é sempre bom ler algo mais próximo da gente, com o qual podemos nos identificar mais facilmente, né?! Feliz por você ter favoritado o livro, lembro do post em que você disse ser muito fã da autora.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gosto de YA, mas também precisamos de personagens maduros

      Excluir