sábado, 19 de novembro de 2016

Resenha: Como Folhas Secas

Olá pessoas!

Quem aí é fã de nacionais? "Como Folhas Secas" é um doce e amargo romance de Júlia de Oliveira publicado pela Novo Século com o selo Talentos da Literatura Brasileira. Com um preço super acessível no site da Saraiva, comprei o exemplar na pré-Bienal do Livro e consegui ler recentemente. Bora para a resenha?


Ambientada no interior de São Paulo, em Santa Heloísa para ser mais específica, conhecemos a história de Ana Carolina e Antônio Guerra. Com capítulos alternados, os acompanhamos desde a infância quando Antônio (o garoto da cidade grande) se muda para a pequena cidade onde todos se conhecem. Uma linda e pura amizade surge, mesmo com toda a maldade e adversidade da vida, vemos a evolução dos personagens unidos.

Quando descobri que a autora tinha apenas 15 anos, fiquei impressionada pela complexidade da história criada. De verdade, há muito sentimento e não é algo bobo, percebemos o trabalho e dedicação da Júlia e isso torna a obra especial.


Infelizmente, o que me incomodou muito foi o fato de ter grandes textos de descrições e detalhamento de tudo. Ok, isso torna o livro mais visual? Sim, torna, mas me atrapalhou no ritmo da leitura. Algumas vezes fiquei empacada e sem vontade de continuar, sabe? Uma pena, porque eu realmente achei a história interessante e original. Apenas não é fluída.

A edição está linda, a capa é maravilhosa. A única coisa que achei que poderia melhorar era o espaçamento entre as linhas, como a letra é menor que a usual, parece que o texto era muito grande para o tamanho do livro. 

Mesmo com essas pequenas falhas, acho que a leitura pode ser proveitosa para você. Vale a pena dar uma chance, afinal, os problemas que tive com a obra não são aqueles problemas fatais, são pequenas opiniões pessoais. ;)

Minha Classificação: ♥ ♥ ♥ (3/5)

Você já conhecia a obra? Vai dar uma chance? Deixe seu comentário!

- Alessandra Salvia

20 comentários:

  1. Nossa, que capa linda, achei super interessante, vou colocar na minha wishlist e vou dar uma olhadinha lá na Saraiva, adorei sua resenha e conhecer seu blog, beijooos!

    https://sejaumunicornio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Parece muito interessante a história, fiquei com vontade conhecer!!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  3. Olá, já vi algumas resenhas sobre esse livro e acho a premissa e os protagonistas bem interessante, acho que leria se tivesse a oportunidade.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? Essa capa é linda! 15 anos? Uau! É raro ver autoras tão novas, né?! Mesmo com as pequenas falhas, parece ser uma boa estória. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  5. eu não conhecia a obra, mas como um nacional e tão interessante, vou pesquisar mais sobre. Parabéns pela resenha, me deixou com um gostinho de ir lá procurar.
    beijos
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Ale! Que bom ver um jovem talento despontando, eu já vi outras resenhas deste livro e fiquei curiosa.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ale! Tudo bem? Ai, eu odeio livros com muitas descrições! Me dá um negócio, sabe? Daí empaco na leitura. Mas a capa do livro é muito linda! <3

    Abraço

    https://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Gostei da resenha Alê. Não conhecia o livro, mas achei o título, o mote e a capa bem atrativos e interessantes. Uma pena que a autora tenha se perdido um pouco com a fluidez do texto, mas não deixa de ser uma dica bacana. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes, o que não é bom para a gente, pode ser para outra pessoa, né? ;)

      Excluir
  9. Oi, Ale!
    Eu acho que teria dificuldades com esse livro por conta das grandes descrições, mas daria uma chance sim.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  10. Eu gostei muito do livro, a parte descritiva é mais no começo né? Depois a trama te prende até o fim! Tenho ouvido muitos elogios sobre ele... bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que as pessoas gostem mais do que eu, rs.

      Excluir